Início » Brasil » Abrindo porteira$
Coluna Esplanada

Abrindo porteira$

União decidiu ajudar os estados governados pelo PT num repasse adicional de verba através de reforma agrária ‘complementar’

Abrindo porteira$
Plano consiste na compra de terras pelo INCRA nestes estados onde já existem assentamentos (Fonte: Reprodução/AE)

Com dinheiro rubricado para reforma agrária, apesar da crise no País, a União decidiu ajudar os estados governados pelo PT num repasse adicional de verba através de reforma agrária ‘complementar’. Não é só o Piauí que entrará no processo, como antecipou a Coluna. Bahia e Ceará, administrados por petistas, e Rio Grande do Sul, tocado pelo aliado PMDB, estão na fila. O plano consiste na compra de terras pelo INCRA nestes estados onde já existem assentamentos. Foi a maneira encontrada para a União ajudar os caixas dos estados em dificuldades: federalizar suas reformas agrárias.

Rebelião interna

No Piauí, agrônomos do INCRA estão se recusando a avaliar as fazendas indicadas pelo Interpi, o órgão estadual de reforma agrária. São diretores petistas quem tocam o plano.

Cercas no caminho

Outro desafio para estes estados comprovarem a legalidade da negociação: além dos assentamentos, em terras que já foram pagas, há títulos definitivos com os lavradores.

Inflacionou

O INCRA pode pagar ao estado R$ 60 o metro quadrado nas terras. Bem mais que os R$ 5 pagos a proprietários de terras por onde passa a ferrovia TransNordestina.

Temer segura?

Um climão toma conta de toda a Esplanada, dos ministérios ao Congresso, com a proposta de impeachment ganhando corpo na Câmara. Temer não bate mais com o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante. Os ministros da Fazenda e do Planejamento não se afinam. E a presidente Dilma cada dia mais isolada, sem apoio formal deles.

Rota internacional

Não alheio ao cenário, o vice-presidente viaja na próxima semana para a Rússia e Polônia, em compromissos oficiais. Empresários brasileiros repetem que o vice pode segurar o País em caso de renúncia (o que Dilma descarta) ou impeachment.

Tudo em vão

A presidente Dilma é cobrada pelos mais próximos. Planos que tirou sozinha da cartola estão indo para o saco: gasolina baixa (já aumentou); conta de luz baixa (não segurou reajuste e quase quebrou as distribuidoras); benefícios fiscais da linha branca e carros (retomou o IPI). E agora começou a recuar no ‘Minha Casa, Minha Vida’.

Boletim & comprometimento

Há um projeto terminativo (não vai a plenário) de autoria do senador Cristovam (PDT-DF) que obriga a presença dos pais nas escolas dos filhos a cada dois meses.

Reciclagem

O primeiro-secretário da Câmara, Beto Mansur (PRB-SP), assinou ofício que aumenta para R$ 7.604,20 reembolso mensal de despesas de colegas para cursos e congressos.

Orgulho da mamãe

O deputado Irajá Abreu (PSD-TO), filho da ministra ruralista Kátia Abreu (Agricultura), apresentou Proposta de Fiscalização para que Câmara e TCU passem a lupa em cinco processos de desapropriação de terras coordenados pelo INCRA na região amazônica.

Sem leme

A votação em segundo turno da PEC dos cartórios está engavetada por ora. Repercutiu mal no Congresso o vídeo do tabelião goiano curtindo a vida numa hidro de um iate em St Tropez e gozando pobre, revelado pela Coluna. A PEC, aprovada em 1º turno, oficializa no cargo sem concurso mais de 4,5 mil cartorários com titularidade provisória.

Brasil dos Jogos

O Ministério do Esporte deve concluir em alguns meses 269 centros de treinamentos em várias capitais, para que delegações de modalidades olímpicas possam treinar a tempo de competir na Olimpíada do Rio. A turma do atletismo vai para Fortaleza.

Escriba jurídico

Presidente do Conselho federal da OAB, Marcus Vinicius Coêlho vai rodar capitais com seu novo livro: ‘Garantias Constitucionais e Segurança Jurídica’.

Correção

O ministro Henrique Alves não furou fila de um voo da TAP para Lisboa dia 3. Tinha preferência no embarque por viajar de primeira classe.

Ponto Final

Com o ex-jogador Edilson envolvido na fraude das loterias da Caixa, na mira da PF, podem vir aí as Loterias Capetinha: você paga e leva um drible. Com bola nas costas.

Com Equipe DF, SP e Nordeste

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *