Início » Brasil » Aprovação de João Dória cai para 32%
DATAFOLHA

Aprovação de João Dória cai para 32%

Pesquisa mostra que a aprovação ao prefeito de São Paulo caiu desde que ele intensificou os esforços para concorrer à presidência

Aprovação de João Dória cai para 32%
Para 58% dos entrevistados, Dória deve permanecer na prefeitura (Foto: Agência Brasil)

Uma pesquisa divulgada pelo Datafolha neste domingo, 8, aponta que a aprovação do prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB-SP), caiu após a intensificação de seus esforços para se candidatar às eleições presidenciais de 2018.

Segundo a pesquisa, o tucano tem atualmente 32% de aprovação, contra 41% registrados na última pesquisa, feita há quatro meses. Em contraponto, a rejeição a Dória subiu de 22% para 26% e o percentual de entrevistados que vê a gestão do prefeito como regular subiu de 34% para 40%.

Dos entrevistados ouvidos pelo Datafolha, 37% acham que Dória disputará a presidência. No entanto, 58% dos entrevistados afirmaram que preferem que ele permaneça na prefeitura, contra apenas 10% que desejam que ele dispute a presidência.

Em relação à agenda de viagens nacionais de Dória, que afirma que São Paulo precisa ser uma cidade global, 49% dos entrevistados acham que elas trazem mais prejuízos do que benefícios à capital paulista, enquanto 35% aprovam a iniciativa.

A pesquisa foi feita na cidade de São Paulo, entre os dias 4 e 5 de outubro. O Datafolha entrevistou 1.092 pessoas e a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Fontes:
Folha de S. Paulo-Aprovação de Doria cai nove pontos, e maioria rejeita seu plano presidencial

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. Markut disse:

    São Paulo não pode prestigiar quem , em 9 meses, está gestando abertamente a intenção de fazer, da sua vitória como prefeito de São Paulo, o trampolim para a presidência do país.
    Explica-se o desprestígio crescente de quem burlou a esperança de a cidade ,afinal, ser contemplada com um competente gestor, que muita falta faz, e não mais um político voraz.

  2. Laércio disse:

    Nem dória, bem os demais! O Brasil precisa de planos robustos e ousados se quiser sair da colonização; infelizmente o povo não tem uma referência para entender o que é certo e errado, vejam, Geraldo Alckmin, está há 20 anos no poder; o que ele fez de relevante? Nada! Mais o povo o mantém no poder… é uma soma de políticos ineficazes com um povo cego e pobre em seus caprichos.
    Se o Brasil não adotar medidas robustas afundara no neo colonialismo fruto da quarta revolução industrial.
    Temos que expulsar do país as comissões “palpiteiras” que nos impedem de exercer a nossa soberania, exemplo: nosso povo está comendo lixo, viciada, etc., mas ninguém fala nada! … Agora, um policial da um tapa em alguém e a notícia se espalha pelo mundo durante uma semana!
    Qualquer cretino consegue perceber que isto está errado.
    Tais comissões não trabalham para nosso progresso, devem ser expulsas do país.
    Esse é o primeiro passo.
    Criação de pena de morte para traficantes e latrocidas! Ambos tem ações dolosas que atentam contra a vida é a paz! Comprovada a autoria 48 horas é tempo máximo para execução…
    O assunto é longo mas bem diferente das ações tímidas, para ser gentil na qualificação dos feitos cretinos…

  3. olbe disse:

    Diante de suas últimas atitudes fiquei completamente decepcionada com João Doria…meu votoelr não terá mais..estava tão entusiasmada com ele…

  4. Rogerio Faria disse:

    Esta sendo um parto difícil após 9 meses. Um Prefeito que ainda não conseguiu “prefeitear.”
    Sò vai parir se usar o fórceps, quem sabe???

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *