Início » Brasil » Aprovação do governo Temer cai para 10,3%
PESQUISA

Aprovação do governo Temer cai para 10,3%

Dados são de pesquisa encomendada pela Confederação Nacional dos Transportes. Presidente tenta reverter cenário com pautas positivas

Aprovação do governo Temer cai para 10,3%
Percentual é abaixo dos 14,6% registrado em outubro do ano passado (Foto: EBC)

A aprovação do governo do presidente Michel Temer atingiu seu pior índice desde que ele assumiu a presidência, em agosto do ano passado. Segundo uma pesquisa de opinião divulgada nesta quarta-feira, 15, apenas 10,3% dos brasileiros aprovam o governo Temer. O percentual é abaixo dos 14,6% de aprovação registrados em outubro do ano passado.

Em contraponto, o percentual dos que consideram o governo Temer ruim ou péssimo subiu de 36,7%, em outubro, para atuais 44,1%. O levantamento foi feito pela MDA Pesquisas, a pedido da Confederação Nacional dos Transportes (CNT). Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 138 municípios, entre os dias 7 e 11 deste mês. A margem de erro é de 2,2%.

Em parte, a queda na aprovação é fruto do desgaste político do governo, causados por polêmicas como a nomeação de Moreira Franco, citado na Operação Lava Jato, para a Secretaria-Geral da Presidência.

Para reverter esse quadro, Temer deu início esta semana a uma agenda de pautas positivas. Na última terça-feira, 14, Temer anunciou o cronograma de pagamento das contas inativas do FGTS. No mesmo dia, durante a tarde, ele participou de uma reunião com grupos do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, conhecido como Conselhão. Realizados fora do Palácio do Planalto, tais encontros não costumam contar com a presença do presidente, que geralmente envia representantes.

Na próxima quinta-feira, 16, Temer participará de uma cerimônia no Palácio do Planalto para anunciar a liberação de milho dos estoques governamentais. Esse evento, normalmente, ocorre no Ministério da Agricultura, não no Planalto.

Ainda há um ponto a ser definido pelo presidente: a escolha do novo ministro da Justiça. Nesta quarta-feira, Temer publicou em sua conta no Twitter que se reuniu com Carlos Velloso, seu amigo pessoal há mais de 35 anos, para debater o assunto. Ainda não se sabe se Veloso será o novo ministro da pasta.

Fontes:
Folha-Temer tenta reverter desgaste de imagem com pautas positivas
Congresso em Foco-CNT: aprovação ao governo Temer cai para 10%

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

7 Opiniões

  1. Oseas disse:

    O BRASIL ESTÁ SENDO DOMINADO PELO QUE HÁ DE PIOR NO ESTRATO DA SOCIEDADE, esperar o quê dessa CASTA MALIGNA? Estão se desdobrando tentando carregar a pesada bagagem do satânico e arcaico mundo do milênio passado pra dentro deste sétimo e último milênio, NÃO CONSEGUIRÃO ABSOLUTAMENTE, porque O PODER MAIOR NÃO PERMITIRÁ, a porta está fechada NO TEMPO e NO ESPAÇO, entende? Não haverá continuidade da História neste especial MILÊNIO, e não conseguirão ir adiante porque O Poder Maior não permitirá e a esperança dos hipócritas ficará frustrada, esta é a PALAVRA que prevalecerá, não cairá um til nem uma vírgula sem que se cumpra LITERALMENTE o que está escrito acima. O BRASIL ESTÁ SENDO DOMINADO PELO QUE HÁ DE PIOR NO ESTRATO DA SOCIEDADE, esperar o quê dessa CASTA MALIGNA? VADE RETRO SATANA.

  2. Beraldo disse:

    É muita cara de pau!

    F..a que o f…u!

    Tiraram o “P” do alfabeto e nem avisaram.

  3. ACHILLES ROMANATO PANDINI disse:

    Fazer o que é preciso para que o país volte à normalidade fere suscetibilidades, bem como os “espíritos de corpo” de vários grupos. A baixa popularidade indica que ele, Temer, está mais no caminho certo do que no caminho errado. Ao menos não está a enganar o nosso povo com sonhos quiméricos, como fizeram os governos anteriores. Parabéns Temer, pelo que está a fazer pelo nosso Brasil.

  4. Lucinda Telles disse:

    Jesus, um ser divino, em dois mil anos não conseguiu seu maior propósito, que era salvar a humanidade (ficou só no blá-blá-blá), como querem que, em dois anos o Temer, um simples mortal, salve o Brasil.

  5. Natanael Ferraz disse:

    Estamos regredindo? esse negócio de “anunciar a liberação de milho dos estoques governamentais” parece atitude do imperador asteca Montezuma. Menos mal, pior é anunciar que se o povo não tem pão que coma brioches.

  6. laercio disse:

    É notório que haverá baixa popularidade do governo de Temer.
    Faltam mais medidas para fazer girar dinheiro na economia; não houve precedentes quanto a liberação das contas inativas, hoje o assunto foi posto em prática!
    Há vários afazeres que quando colocados em prática certamente farão com que haja maior giro de capital na economia; são tantas as possibilidades que se tornaria um jargão a exposição das mesmas nesse texto.
    Nosso problema é que, como nação, a conveniência de poucos não permite a evolução de várias soluções.

  7. Rogerio Faria disse:

    Caraca. 10,3% aprovam, tá bom demais.
    Pode continuar a detonar as leis trabalhistas e previdenciárias, rssss.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *