Início » Brasil » Atos em defesa da Lava Jato miram políticos e ministros do STF
PROTESTOS

Atos em defesa da Lava Jato miram políticos e ministros do STF

Em Brasília, manifestantes defenderam pautas como a CPI da Lava Toga

Atos em defesa da Lava Jato miram políticos e ministros do STF
Atos em apoio à reforma da Previdência e a outras medidas neste domingo, 30, em Brasília (Fonte: Reprodução/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Grupos de direita organizaram atos neste domingo, 30, em diversas cidades brasileiras em apoio à Operação Lava Jato e ao ministro Sérgio Moro. Os manifestantes também atacaram a atuação de políticos e de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Em Brasília, além de exibirem cartazes em apoio à Lava Jato e a Moro, os manifestantes também defenderam pautas como a CPI da Lava Toga, para investigar membros do STF e de tribunais superiores do país.

Os manifestantes em Brasília também inflaram quatro bonecos gigantes, sendo dois do ex-presidente Lula com roupa de presidiário, um de Sérgio Moro com a roupa do super-homem e outro que reúne Lula, Gilmar Mendes e José Dirceu, em uma associação do Supremo ao PT.

Os atos realizados neste domingo foram convocados após o vazamento, iniciado no último dia 9 de junho, de conversas atribuídas ao ex-juiz federal Sérgio Moro e procuradores da Lava Jato pelo site “The Intercept Brasil”.

Nos atos na Avenida Atlântica, no Rio de Janeiro, além do apoio a Moro, manifestantes também demonstraram seu ranço com Congresso e STF.

Alguns manifestantes também utilizaram camisas e exibiram cartazes com críticas a veículos da imprensa, como o jornal Folha de S.Paulo e a Rede Globo, chamados de “Folha mentirosa” e “Globo lixo”.

Nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro parabenizou os manifestantes que foram às ruas “pela civilidade” e ressaltou que “a população brasileira mostrou novamente que tem legitimidade, consciência e responsabilidade para estar incluída cada vez mais nas decisões políticas do nosso Brasil”.

Os organizadores, que incluem movimentos como o Nas Ruas, o Vem Pra Rua e o Brasil Livre (MBL), afirmaram que os atos foram convocados em mais de 200 municípios.

Fontes:
Folha de S.Paulo - Atos a favor da Lava Jato miram ministros do Supremo e o Congresso
EBC - Movimentos promovem atos em apoio a Moro e à Lava Jato

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. carlos alberto martins disse:

    enfim começo a acreditar que o povo está ficando consciente que somente a união irá levar o Brasil a um futuro mais digno.Moro neles que fazem de tudo para defenderem os petralhas.Bolsonaro,artigo 142 da constituição nos que estão protegendo a bandidagem instalada no poder público.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *