Início » Brasil » Bolsonaro pede ‘responsabilidade’ a argentinos em eleições
EM VIAGEM OFICIAL

Bolsonaro pede ‘responsabilidade’ a argentinos em eleições

Em viagem ao país vizinho, presidente pede a eleitores argentinos 'muita razão e menos emoção' nas eleições presidenciais de outubro

Bolsonaro pede ‘responsabilidade’ a argentinos em eleições
Eleições argentinas ocorrem no próximo mês de outubro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Em seu primeiro dia de viagem oficial à argentina, o presidente Jair Bolsonaro pediu que os argentinos tenham responsabilidade na hora de votar nas eleições presidenciais, que ocorrem em outubro.

“Eu conclamo o povo argentino. Que Deus abençoe a todos eles, porque terão pela frente agora, no mês de outubro, eleições. E todos têm que ter, assim como no Brasil grande parte teve, muita responsabilidade, muita razão e menos emoção para decidir o futuro desse país maravilhoso que é a Argentina”, afirmou Bolsonaro, ao lado de seu homólogo argentino, Mauricio Macri.

Em diferentes oportunidades, Bolsonaro criticou uma possível ascensão da chapa da ex-presidente Cristina Kirchner, que assumiu a posição de vice-presidente na coalizão com o presidenciável Alberto Fernández. O presidente brasileiro considera que a volta do Kirchnerismo à presidência pode fazer da Argentina uma “nova Venezuela”.

“Acho que toda a América do Sul está preocupada que não tenhamos novas venezuelas na região. Devemos nos preocupar e tomar decisões concretas nesse sentido, cada vez mais unindo nossos povos, buscando cada um seu potencial de forma emanada para que o progresso e a paz cada vez mais reine entre nós”, destacou o chefe de Estado brasileiro.

Por outro lado, Bolsonaro se posiciona a favor da reeleição de Macri. O presidente argentino tem enfrentado protestos no país devido à instabilidade econômica. No início de maio, Bolsonaro chegou a pedir para que os argentinos tenham “paciência” com Macri. “Se o Macri não está indo bem, paciência, vai lutar para melhorar. Ou alguém da linha dele. O que não pode é voltar Cristina Kirchner”, afirmou na época.

Em relação ao Mercosul, Bolsonaro parabenizou os esforços de Macri para um acordo com a União Europeia. Segundo o presidente argentino, um pacto entre os blocos econômicos vai permitir mais dinamismo no comércio entre os países. De acordo com o chefe de Estado argentino os blocos estão “muito perto de um acordo”.

Bolsonaro chegou à Argentina nesta quinta-feira, 6, retornando ao Brasil na manhã da próxima sexta-feira, 7. Além de Macri, o presidente brasileiro deve se encontrar com representantes do Judiciário e do Legislativo argentino.

Fontes:
Agência Brasil-Bolsonaro conclama argentinos a votar com responsabilidade em outubro
G1-Ao lado de Macri, Bolsonaro pede 'responsabilidade' e 'razão' a eleitores argentinos
Estado de Minas-Mercosul e UE 'estão muito perto de um acordo', diz Macri

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *