Início » Brasil » Bolsonaro terá que esclarecer inconsistências de contas
CONTAS DE CAMPANHA

Bolsonaro terá que esclarecer inconsistências de contas

Ministro Barroso deu prazo de três dias para campanha de Bolsonaro prestar esclarecimentos

Bolsonaro terá que esclarecer inconsistências de contas
Jair Bolsonaro durante visita ao TSE (Fonte: Reprodução/Divulgação/Nelson Jr/TSE)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A defesa de Jair Bolsonaro tem até três dias, contados a partir desta terça-feira, 13, para apresentar ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esclarecimentos sobre 23 inconsistências identificadas pela área técnica do tribunal na prestação de contas da campanha eleitoral.

O prazo foi anunciado nesta terça pelo ministro Luís Roberto Barroso, relator do processo, que acatou o parecer da assessoria técnica do TSE.

A prestação final das contas foi entregue pela campanha de Bolsonaro na última sexta-feira, 9, dentro do prazo legal.

Para que ocorra a diplomação de Bolsonaro, agendada para o dia 10 de dezembro, a regularidade da prestação de contas precisa ser julgada pelo TSE.

Em sua decisão, Barroso considerou “pertinentes as diligências propostas pela Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias. Diante do exposto, determino a intimação do candidato Jair Messias Bolsonaro, […] para, no prazo de 3 (três) dias, complementar dados e documentação e/ou prestar esclarecimentos / justificativas, com vistas ao saneamento dos apontamentos”.

De acordo com o PSL, a campanha de Bolsonaro arrecadou R$ 4,377 milhões, sendo R$ 3,728 milhões na modalidade “financiamento coletivo”.

 

Fontes:
EBC - Defesa de Bolsonaro tem 3 dias para explicar inconsistência de contas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *