Início » Brasil » Brasil abre quase 130 mil vagas e tem melhor abril desde 2013
EMPREGO

Brasil abre quase 130 mil vagas e tem melhor abril desde 2013

Desde 2017 o mês de abril registra resultados positivos e crescentes

Brasil abre quase 130 mil vagas e tem melhor abril desde 2013
Foram abertas mais de 13 mil vagas em relação a abril de 2018(Foto: Flickr/Prefeitura de Belo Horizonte)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Brasil abriu 129.601 vagas de emprego de carteira assinada e teve o melhor abril desde 2013. Ademais, foram gerados 5.422 trabalhos intermitentes. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 24, pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

O levantamento foi feito pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Desde 2017 o mês de abril vem somando resultados positivos e crescentes. Em comparação ao mesmo período de 2018, houve um saldo positivo de 13,7 mil postos de trabalho.

O resultado positivo foi impulsionado pelos setores de Serviço, Indústria de Transformação e Construção Civil. Segundo o Caged, já foram gerados, no ano, 313.835 postos de trabalho.

O setor de serviços gerou 66.290 vagas, enquanto a Indústria de Transformação registrou um resultado positivo de 20.479 postos de trabalho. Já na Construção Civil foram estabelecidos 14.067 postos de emprego.

Todas as regiões tiveram acréscimo de empregos em abril, com o Sudeste ganhando destaque. A região formada por São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo abriu 81.106 postos de trabalho. O Sudeste foi seguido por Nordeste (15.593), Centro-Oeste (15.240), Sul (14.570) e Norte (3.092).

Apesar dos resultados positivos, quatro estados registraram fechamento de postos de trabalho, sendo eles Alagoas (-4.962), Rio Grande do Sul (-2.498), Rio Grande do Norte (-501) e Pará (-25).

Leia também: Brasileiro, em média, só consegue primeiro emprego formal aos 28 anos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *