Início » Brasil » Brasil perdeu 11 mil super-ricos entre 2013 e 2014
Relatório

Brasil perdeu 11 mil super-ricos entre 2013 e 2014

Relatório considera como super-ricos aqueles que têm US$ 1 milhão em ativos investíveis

Brasil perdeu 11 mil super-ricos entre 2013 e 2014
Riqueza total dos brasileiros super-ricos diminuiu 1,4% (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

De acordo com o relatório “World Wealth Report 2015”, feito pelas consultorias Capgemini e RBC Wealth Management, o Brasil perdeu 11 mil super ricos entre 2013 e 2014.

O relatório considera como super-ricos aqueles que têm US$ 1 milhão em ativos investíveis, sem levar em consideração a residência principal e itens de coleção ou de consumo durável.

O número de brasileiros super-ricos caiu de 172 mil em 2013 para 161 mil no ano passado, uma queda de 6,4%. Já a riqueza total destes indivíduos diminuiu 1,4%.

O relatório ressalta que “a queda nos preços de commodities, o ritmo lento de reformas pelo governo reeleito e um escândalo de corrupção na estatal de energia derrubaram os mercados de equity em 17,4%”.

A América Latina foi a única região que registrou uma queda tão acentuada no número de super-ricos (-2,1%) e de sua riqueza total (-0,5%) entre 2013 e 2014, o que pode ser atribuído ao resultado ruim do Brasil.

Em todo o mundo, no entanto, houve um crescimento de 6,7% no número de super-ricos e de 7,2% na riqueza total — embora tenha sido a segunda pior taxa dos últimos cinco anos.

O crescimento mundial foi impulsionado pelos ultra-ricos — aqueles que têm mais de US$ 30 milhões –, o que sugere uma concentração de renda no topo do topo.

A Ásia-Pacífico ultrapassou a América do Norte e é atualmente a região com a maior concentração de super-ricos.

Fontes:
Portal Exame - Brasil perdeu 11 mil super-ricos em 2014, dizem consultorias

2 Opiniões

  1. paulo fernando disse:

    Os super – pobres o que vão falar ? já que ninguém falam deles.

  2. Josemar Silva Dos Santos disse:

    É o efeito cascata da ROUBALHEIRA PETRALHA, que está nos enterrando sob 13 PALMOS DE MISÉRIA.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *