Início » Brasil » Estimativa do FMI sugere que Brasil só voltará a crescer em 2018
ECONOMIA

Estimativa do FMI sugere que Brasil só voltará a crescer em 2018

Segundo relatório do órgão, economia brasileira encolherá 3,5% este ano, terá crescimento zero em 2017 e só voltará a crescer em 2018

Estimativa do FMI sugere que Brasil só voltará a crescer em 2018
Brasil teve as piores projeções entre os países analisados pelo órgão (Foto: Pixabay)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Uma previsão feira pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) sugere que a recessão no Brasil pode durar mais tempo do que o estimado. Segundo o órgão, o país só retomará o crescimento econômico em 2018.

A previsão faz parte do relatório Panorama Econômico Mundial (WEO, na sigla em inglês), divulgado nesta terça-feira, 19, pelo FMI. O Brasil teve as piores projeções entre os países analisados pelo órgão, superando até mesmo a Rússia.

Segundo as perspectivas a economia brasileira, que em 2015 encolheu 3,8%, deve sofrer outra queda este ano, dessa vez de 3,5%. Para piorar, o FMI acredita que o Brasil terá crescimento zero em 2017. Logo, a esperada retomada só deve acontecer em 2018.

Em outubro, a expectativa era de recessão de 3% em 2015 e de nova queda de 1% neste ano. O FMI ainda aponta o Brasil como um dos culpados pela redução da expectativa de crescimento global para 2016 e 2017.

Após o documento ser divulgado, o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, disse, em nota,  que considera significativas as revisões para baixo das projeções econômicas para o Brasil e que todas as informações serão consideradas nas decisões do Copom.

Fontes:
O Globo-Para FMI, Brasil só voltará a crescer a partir de 2018
Estado de S.Paulo-Para o FMI, Brasil terá pior desempenho do PIB entre as principais economias do mundo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Um Babalorixá consegue fazer previsão melhor que o FMI tem: tem que considerar que 2018 é ano eleitoral, o governo estará preocupado com a eleição. E o governo que sair das urnas, enviará o seu plano plurianual que entra em vigor em 2020. Logo, se depender do governo, melhoras só a partir de 2021. A menos que a justiça os prenda antes.

  2. carlos alberto martins disse:

    considerando os atuais politicos o brasil só voltará a crescer quando nós brasileiros poder colocar na cadeia os atuais mandatarios da nação.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *