Início » Brasil » Busca em Brumadinho pode durar meses
ROMPIMENTO DE BARRAGEM

Busca em Brumadinho pode durar meses

Porta-voz do Corpo de Bombeiros, tenente Pedro Aihara, afirmou que não há prazo para concluir os trabalhos de busca de vítimas

Busca em Brumadinho pode durar meses
Ainda há 226 pessoas desaparecidas (Fonte: Reprodução/Divulgação/Corpo de Bombeiros)

O porta-voz do Corpo de Bombeiros, tenente Pedro Aihara, afirmou que não há prazo para concluir os trabalhos de busca de vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho. Aihara ressaltou que, em 2015, as operações de busca em Mariana duraram quatro meses.

Leia também: País tem 88 barragens do tipo de Brumadinho ou ‘desconhecido’

Neste domingo, 3, os trabalhos ganharam o reforço de um grupo de 60 homens da Força Nacional de Segurança Pública. Os militares foram enviados após pedido do governador de Minas Gerais, Romeu Zema. A Vale informou que ainda há 199 pessoas desaparecidas. O último balanço oficial aponta para 134 mortos.

As operações de busca contam com os trabalhos de cerca de 300 homens do Corpo de Bombeiros, 950 policiais militares e agentes da Polícia Civil e da Defesa Civil de Minas Gerais e ainda com o reforço de bombeiros de São Paulo e Santa Catarina e policiais de outras regiões.

O deslocamento das equipes é dificultado pela lama. As equipes de resgate utilizam escavadeiras “anfíbias”, que são capazes de se locomover em terrenos úmidos.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) estima que o rompimento da barragem em Brumadinho destruiu quase 270 hectares de mata (equivalente a 378 campos de futebol).

 

Fontes:
Veja - Equipe de resgate ganha apoio da Força Nacional; busca pode durar meses

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *