Início » Brasil » Comitê da ONU começa a avaliar o caso Lula
PEDIDO DA DEFESA

Comitê da ONU começa a avaliar o caso Lula

Órgão avalia nesta segunda feira, 9, o pedido da defesa de Lula para que o ex-presidente seja posto em liberdade durante a tramitação do seu processo

Comitê da ONU começa a avaliar o caso Lula
Também nesta segunda ocorreu a 1ª reunião da cúpula do PT após a prisão de Lula (Foto: Pinterest)

O Comitê de Direitos Humanos da ONU começou a analisar nesta segunda-feira, 9, o pedido protocolado pela defesa de Lula que solicita ao órgão que peça ao governo brasileiro para manter o ex-presidente em liberdade até que se esgotem os recursos contra sua condenação em todas as instâncias da Justiça.

O pedido foi protocolado na última sexta-feira, 6, horas antes de Lula se entregar à Polícia Federal e ser levado para a sede da corporação em Curitiba, onde se encontra preso desde então, em uma cela reservada, de 15 metros quadrados.

Também nesta segunda-feira, ocorreu a primeira reunião da cúpula do PT após a prisão do ex-presidente. O encontro ocorreu em Curitiba e, segundo o site Congresso em Foco, teve como foco a discussão das estratégias de mobilização e articulação política do partido após a prisão de sua maior liderança.

Dirigentes do PT reafirmaram a candidatura de Lula ao Planalto nas eleições deste ano e defenderam que, mesmo preso, o ex-presidente continue a orientar os rumos da legenda.

No momento o PT se encontra rachado em duas alas. Uma das alas, da qual faz parte a senadora Gleisi Hoffmann, defende a manutenção das críticas ao Supremo Tribunal Federal (STF). A outra ala, da qual faz parte do ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, defende a adoção de um tom mais moderado por receio de que as críticas à Justiça possam resultar em retaliação.

Em seu primeiro dia na prisão, Lula recebeu a visita do advogado Cristiano Zanin Martins e assistiu a final do Campeonato Paulista, vencido pelo Corinthians, clube do qual é torcedor.

 

Leia mais: Defesa de Lula recorre à ONU contra prisão

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Áureo Ramos de souza disse:

    Acredito que a ONU tenho problemas maiores e discutir, O Supremo é supremo e a ONU não tem nada a ver com isso.

  2. Almanakut Brasil disse:

    O Brasil precisa colocar essa ONG que escondeu seus tarados contra a parede, para não fazer o papel de carneirinho que fez perante a FIFA e COI!

    Essa gente tem que cuidar dos problemas da Síria, Venezuela, Palestina e de comunistas do resto do mundo!

    Depois, o país fica gastando dinheiro em missões de paz, para essa gente aparecer como “bonitinhas” na Europa, nos “le mondes” da vida!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *