Início » Brasil » Condenado, Genoino pode assumir vaga na Câmara
Mensaleiro

Condenado, Genoino pode assumir vaga na Câmara

Advogado do ex-presidente do PT disse nesta quinta-feira que ele vai assumir uma vaga de deputado federal em 2013

Condenado, Genoino pode assumir vaga na Câmara
Genoino foi condenado no processo do mensalão a 6 anos e 11 meses de prisão (Fonte: Reprodução/Estadão)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O ex-presidente do PT José Genoino, réu condenado no julgamento do processo do mensalão, vai assumir uma vaga de deputado federal no próximo ano. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 27, por seu advogado, Luiz Fernando Pacheco.

Leia também: Livro sobre o mensalão: o ‘encanto petista’ se desfez?

De acordo com Pacheco, o deputado federal Carlinhos Almeida (PT-SP), que foi eleito prefeito de São José dos Campos (SP), protocolou nesta quinta na Câmara dos Deputados um pedido de renúncia do mandato a partir do dia 1º de janeiro, abrindo espaço para Genoino, suplente da coligação.

O advogado afirmou que Genoino “tomará posse no primeiro dia útil em que isso for possível”, ressaltando ainda que “não há dúvida alguma” de que o ex-presidente do PT tem direito à vaga. “Ele é réu primário e a decisão do STF não tem caráter definitivo. Ele tem obrigação de tomar posse”, disse Pacheco.

Regime semiaberto

No lugar de Almeida deve assumir o primeiro suplente da coligação, Vanderlei Siraque (PT-SP). Genoino, que é o segundo suplente, deve entrar na vaga de Aldo Rebelo (PCdoB-SP), licenciado desde o ano passado para ser ministro do Esporte.

O ex-presidente do PT José Genoino foi condenado no julgamento do processo do mensalão a 6 anos e 11 meses de prisão a serem cumpridos inicialmente em regime semiaberto. No julgamento, os ministros do STF também decidiram que os deputados condenados perderão o mandato. Os parlamentares condenados, no entanto, poderão exercer o cargo enquanto recorrerem da decisão do Supremo em liberdade.

Fontes:
G1 - Genoino vai assumir vaga na Câmara dos Deputados, diz advogado

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

8 Opiniões

  1. helo disse:

    Dá-se sempre um jeitinho, e nós pagamos. É a nova zelite no poder, 11 anos de nenhuma ingenuidade nos malfeitos, muita arrogância e cara de paú.

  2. Geferson disse:

    Os enormes recursos, vultosos relatórios, empolgantes discursos e ingentes esforços do STF deram nisso? Inacreditável para dizer o mínimo!

  3. Áureo Ramos de Souza disse:

    Parece programa de humorismo isso. Como pode um ladrão condenado assumir a Câmara Federal de um país hoje conhecido mundialmente, para que serviu tantos discursos e ditas leis não serem cumpridas. Um senhor que roubou dois pacotes de leite em um super mercado foi até o Aníbal Bruno e porque José Genoíno não vai? O melhor é acabar com a constituição, as leis não são cumpridas!

  4. João Cirino Gomes disse:

    E as cadeias continuam superlotadas, mas de pobres sem poder aquisitivo sem eira nem beira!” Uns por furtar maisena, outros por roubar bicicletas, rádios etc…
    E ai vai dizer que não tem juiz negociando sentenças?
    Para o pobre é só sentença!
    Para se votar consciente; é preciso saber como funciona uma eleição no Brasil!
    Note que o voto pertence ao partido, e se vc votar em politico que é de um partido que tem corrupto, seu voto estará fortalecendo este partido, e o tal corrupto indiretamente: Outro detalhe, se o eleitor votar em um partido que não tenha corrupto, “coisa difícil de se ver”, mas que este partido seja coligado a outro que tenha corrupto; o eleitor estará facilitando para que o corruptos da coligação se eleja!
    Em fim eu votei NULO de fio a pavio, e sabe por qual motivo; não tinha um candidato se quer que tivesse imagem imaculada!
    E ao meu ver votar no menos pior é o mesmo que ajudar eleger o carrasco menos pior, que vai me acorrentar e escravizar!
    E só votarei se o candidato for de um partido que não tenha corruptos, nem tenha coligação com partidos que dão guaridas a corruptos!
    As raposas velhas estão fazendo suas maracutaias para se manterem eternamente no poder!
    Enfim; creio que só voltarei a votar, quando tiver fim a lei de imunidade e o foru privilegiado!
    Pois esta lei de imunidade, só serve para acobertar políticos corruptos e suas quadrilhas, e o foru privilegiado só serve para facilitar as vendas e negociata de sentenças!
    Foi desta maneira que Daniel Dantas, o sócio do Lulinha, filho do ex presidente Lula, foi solto, e os juízes que lhe deram a liberdade, promovidos a ministros!
    Abaixo assinado pelo fim da imunidade!
    http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=Janciron

  5. Roberto Santiago disse:

    Para: João Cirino Gomes, Áureo Ramos de Souza, Geferson e helo (e para quem mais se sinta injuriado com este status quo)

    Não adianta nem mesmo votar nulo! Já cansei, há muito tempo, de esperar que o povo tomasse vergonha na cara! Cansei de me orgulhar da cidadania! Cansei de ser brasileiro!!! Afinal, somos todos culpados de tudo isso que, agora, reclamamos, nos estarrecemos, nos envergonhamos(???) e verberamos! Não tem mais solução. A vergonha, desta Nação, cresce, como “rabo de burro”, obedecendo a Lei da Gravidade, isto é, de cima para baixo. Somos culpados, sim, e somos, também, interesseiros e covardes!

  6. helo disse:

    Roberto Santiago,
    Tenho muitos defeitos, mas sou otimista. Tenho medo, mas não sou covarde. Tenho interesses, sem me considerar interesseira. Me sinto culpada porém consciente do pouco que posso contribuir. Ainda assim gosto de opinar e ser ativa no meu pequeno mundo. Como me considero privilegiada por gostar e ter tido acesso aos estudos, posso dizer que voto pensando pouco em mim e mais no país. É verdade que um país mais igual é bom pra todos.
    Somos uma democracia muito jovem, de certa forma ingênua, à procura de uma identidade e de um salvador e estamos dando os primeiros passos para nos interessar pelos assuntos de governo que nem sempre nos afetam diretamente.
    Realmente não dá para adivinhar os malfeitos nos bastidores do poder, só com a ajuda de um R. Jefferson, uma ex-mulher raivosa, um político preterido ou o trabalho responsável das nossas instituições. Parece que com a velocidade da comunicação via internet, os crimes do colarinho branco se sofisticaram e aumentaram em quantidade e em cifras.
    Já as políticas públicas quando boas ou equivocadas são mais fáceis de serem notadas e criticadas.
    Considero a corrupção atual muito grave, mas minha indignação maior é com a mediocridade dos que governam, a falta de idéias, o atraso.

  7. gera disse:

    KAKAKAKAK AAAAAA SO MAIS UM BANDIDO NO PODER . pois a gangue de politicos e demasiada e desnecessaria , acorda brasileiros vamos diminuir essa quadrila para sobrar mais aos trabalhadores.

  8. Roberto Santiago disse:

    Helo,

    Vejo que você traça uma interessante descrição sobre a sua pessoa, porém, sem ser contestador, se me permite gostaria de questionar alguns pontos, evidentemente apenas sobre o que se refere ao nosso País. O primeiro se prende a você dizer que se acha “…privilegiada por gostar e ter tido acesso aos estudos…”. Desculpe, mas, ser privilegiado por ter acesso aos estudos??? O estudo é um direito básico, o qual deveria ser respeitado neste País. Você não concorda comigo? Será que, no Brasil, até estudar é privilégio??? Quando mudaremos isso? É imperioso que mudemos urgentemente este, digamos, “preconceito”. No entretanto, aceite meus parabéns, por haver estudado, por gostar do saber, num País onde a maioria, inclusive um certo ex-Presidente que se orgulha de ser apedeuta (que péssimo exemplo deu(dá) às crianças e aos jovens!), simplesmente detesta a sala de aula… e o pior é que apresentam inúmeras “razóes” como “justificativa”.
    Quanto a votar pensando na coletividade, é rara (para os nossos padrões) e louvável essa sua atitude. Todos deveriam assim proceder, eu, porém lamentavelmente, fazia isso também, mas, CANSEI!!! Hoje confesso que voto NULO. Chega de ser roubado e ainda compactuar com os ladrões, os quais, com o meu voto, eu mesmo ajudava a elegerem-se.
    É certo que a nossa “democracia” é jovem, só não a classifico como “ingênua”, como você pressupõe. Ingênuo é o povão, que se deixa enganar facilmente, os nossos políticos não se pode classificar como ingênuos, são “raposas felpudas”!
    Talvez pela ingenuidade, até mesmo oportunista, do povão, haja o perigo da busca “…de um salvador…”. E isso é muito, mas, muito perigoso. Adolf Hittler também foi tomado como “salvador” da Alemanha… e deu no quê deu! Temos um vizinho de fronteira que também achou o seu “salvador”, aliás, o “salvador” deles está se restabelecendo de uma cirurgia. Que Deus o ajude, porque eu não desejo o mal ao próximo. Tomara que o “salvador” deles dê certo, porém tudo indica que não vai dar certo não!
    Amiga, também posso lhe dizer que infeliz é á nação que precisa de um R. Jefferson, de uma ex-mulher raivosa ou de um político preterido, para poder descobrir a podridão que grassa em sua administração. As nossas instituições não me parecem tão “saudáveis” para nos mostrar com transparência os mal-feitos daqueles que elegemos. Que pena… e pena maior porque nos custa muito caro mantê-las. E o STF não merece parabéns, não fez mais do que a sua obrigação. E ganham muito bem para isso!
    Alberto Santos Dumont se suicidou quando viu a forma de utilização que estavam dando ao seu invento: bombardeio aéreo, morte, enquanto ele declarou que imaginou o avião para uso em prol da vida. Será que “os inventores da Internet” se “suicidariam” também, por saber que aqui o seu invento “engorda” o crime? … rsrsrsrs
    As “políticas públicas”, as quais você alude, eu peço licença para citá-las entre aspas. Servem apenas para aumentar o faturamento da Imprensa “chapa-branca”. É tudo um grande engôdo. E o povão A-C-R-E-D-I-T-A!!!! Por isso continuamos assim, “deitados, eternamente, em berço explêndido”!!!
    A mediocridade dos que governam, certamente não existe. São todos muito espertos, ladinos. E são tanto assim que precisamos de um R. Jefferson, ou até de uma ex-mulher raivosa, para afastá-los do Poder. Mas, infelizmente, afastamos um… e colocamos outro(s) igual(is). Não aprendemos, não é mesmo? Apenas trocamos “seis” por “meia-dúzia”! Sempre!
    Finalmente, Helo, para sairmos deste atraso, só uma “chave” abre a porta. E é a mesma “chave” que abre a porta do colégio… mesmo que seja escola pública!
    Aceite um fraterno abraço deste amazônida.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *