Início » Brasil » Conselho de Ética da Câmara pede cassação do mandato de André Vargas
Operação Lava-Jato

Conselho de Ética da Câmara pede cassação do mandato de André Vargas

Para valer, a decisão precisa ser votada pela Casa, o que deve ocorrer somente após as eleições

Conselho de Ética da Câmara pede cassação do mandato de André Vargas
André Vargas é suspeito de envolvimento com o doleiro Alberto Youssef, que comandou esquema de lavagem de dinheiro (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Conselho de Ética da Câmara aprovou a indicação de cassação do mandato do deputado André Vargas por envolvimento com o doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava-jato, da Polícia Federal, acusado de comandar um esquema de lavagem de dinheiro que movimentou cerca de R$ 10 bilhões.

A decisão ainda precisa ser votada pela Casa para entrar em vigor, o que, segundo parlamentares, deve ocorrer somente após as eleições.

Por falta de quórum para realizar a votação, o relator Júlio Delgado (PSB) e o presidente do conselho Ricardo Izar (PSD) nomearam novos conselheiros para garantir o número mínimo de votantes. A cassação de mandato do ex-petista foi aprovada com 11 votos a favor.

O advogado de Vargas, Michel Saliba, disse que vai recorrer à Comissão de Constituição e Justiça contra a votação. “A composição do conselho era uma no início da reunião e a votação se dará com outros deputados, o que nos surpreende”, disse Saliba.

A relação entre Vargas e Youssef foi revelada no início deste ano, quando o deputado pegou carona em um jato do doleiro. A Polícia Federal revelou que Vargas indicou um ex-assessor do Ministério da Saúde para trabalhar no laboratório Labogen, que, segundo a polícia, era o centro do esquema de lavagem de dinheiro comandado por Youssef.

Fontes:
Estadão - Conselho de Ética aprova cassação de André Vargas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *