Início » Brasil » Correios correm atrás do lucro
COLUNA ESPLANADA

Correios correm atrás do lucro

O caixa vem diminuindo, e as receitas idem, mês a mês

Correios correm atrás do lucro
Novo presidente do Correios recebeu um diagnóstico nada animador das contas (Fonte: Reprodução/Wikimedia)

Mal desembarcou no comando do Correios, o novo presidente Giovanni Queiroz (PDT) recebeu um diagnóstico nada animador das contas. O caixa vem diminuindo, e as receitas idem, mês a mês. Um documento apresentado na última sexta-feira pela diretoria financeira ao conselho executivo e aos principais departamentos da empresa revela que há necessidade de reforço imediato de faturamento. No pior dos cenários, contou um diretor, no ritmo atual a estatal só tem dinheiro para pagar a folha até agosto de 2016. Isso não consta nos dados oficiais. O balanço de 2015 ainda será fechado.

Há tempo

Segundo a assessoria, não há nada alarmante. “A apresentação informou que as receitas crescem em nível menor do que as despesas, situação que exige medidas para reversão”.

Brasil & França

Milhares de brasileiros passeiam por Paris. Ontem um deles notou: 100 soldados do Exército cercavam a Torre Eifel. As lojas, que fecharam sábado e domingo, reabriram.

Lá, como cá

Piorou a aprovação ao governo de François Hollande. Os jornais dão a popularidade dele abaixo de 8%, tão ruim ou pior que a de Dilma. Sarkozy está pronto para voltar.

Cidadãos do Gramado

Há quatro ONGs com jovens acampados no gramado do Congresso Nacional, mas com diferenças no front de atuação. A mais ‘agressiva’ é a Revoltados Online, que quer partir para a briga se provocada por petistas. As outras são Pátria Brasil, Brasil Livre — cujos integrantes se acorrentaram por dias no salão Verde — e a Vem pra rua.

Ciganos eleitores

O senador Magno Malta mira mais eleitores. Vai lançar campanha em defesa dos ciganos no Brasil. A comunidade pode chegar a um milhão. O mote será ‘eu não sou trapaceiro’. A equipe sonda o cantor Sidney Magal como garoto-propaganda.

Carajás no Correios

O novo presidente do Correios, Giovanni Queiroz, ex-deputado federal ligado ao ministro André Figueiredo (Comunicações), é entusiasta da criação do estado do Carajás, dissociado do Pará. Rendeu plebiscito há poucos anos, no qual foi derrotado.

Festa no Ap

Vai ter festa na cobertura. Fernando Baiano sai da prisão amanhã e volta para o apartamento na Barra, no Rio. Como a Coluna antecipou, amigos já preparavam a festa.

Zap 2018

Prestes a se filiar ao PSC, para disputar a prefeitura do Rio e a presidência, Jair Bolsonaro faz agenda forte de visitas a capitais. Criou até grupo nacional de whatsapp.

RH do Poder

Segue numa situação crítica o financeiro da Assembleia Legislativa do Amapá — que já desfilou no noticiário policial nacional. Cerca de 2 mil comissionados podem perder o emprego. Por causa de briga judicial, não há dinheiro para pagar servidores.

Por trás da mina

A Vale, dona da Samarco, tem na composição societária a Bradespar, que controla 17% da mineradora. A Bradespar é controlada pelo Bradesco e tem a Globo Cabo (Grupo Globo) como uma das sócias. A Cabo é controlada pelos três irmãos Marinho.

Chuvas & lama

As chuvas de verão podem trazer enchentes nas cidades às margens do agora assoreado rio Doce em Minas e no ES. Isso aconteceu em 2007 no rio Muriaé em MG e norte do Rio, após assoreamento com a lama da barragem rompida da Mineradora Rio Pomba.

Serra e Jarbas?

Surgiu cenário curioso nos bastidores de quem defende uma candidatura de José Serra à Presidência: ele se filiar ao PMDB, com Jarbas Vasconcelos de vice. O tucano já teria o sondado. O ex-governador de Pernambuco, hoje deputado federal, nega.

Tô fora!

Jarbas diz que é amigo mas não houve essa conversa. “Eles se acertam internamente no PSDB”, resume o cacique. Serra hoje é a terceira opção do partido para 2018.

Ecos da crise

Os torcedores brasileiros nas arquibancadas em frente aos camarotes do BB e da Petrobras na prova da F-1 insultaram a presidente Dilma em coro durante o Hino.

Ponto Final

‘Não busco homem perfeito’
Do prefeito Eduardo Paes, do Rio, ao defender o pré-candidato à sua sucessão, o secretário Pedro Paulo, acusado de bater na mulher, há quatro anos, e de matar um cidadão atropelado nos anos 90 (este crime prescreveu, sem julgamento).

Com Equipe DF, SP e Nordeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. olbe disse:

    Os correios agora estão gastando dinheiro na TV para fazer propaganda, melhor seria se
    melhorassem seu atendimento. O SEDEX demora do Rio para Porto Alegre 4 dias !!!! As encomendas pelo correio PAC, só aparecem depois de reclamadas. Antes quando os correios não cumpriam a data prevista na entrega, a gente reclamava e recebia o dinheiro da postagem imediatamente. Agora, pode reclamar que cada um responde alguma coisa e vc nunca recebe o que reclamou. Do exterior então um horror.Quando vc acha que a encomenda está definitivamente perdida depois de 3 meses, ela chega…O atendimento nas lojas é demorado, as senhas para atendimento estão quebradas. Tudo piorou depois que tiraram agencias pequenas, como no bairro da URCA, que era maravilhosa. Deixaram um bairro sem agencia dos Correios…

  2. ney disse:

    Não é verdade.. A receita dos correios no ano de 2014 foi a maior, a questão é a pessima administração do PT em relação a Empresa. Tem muita gente contratado e amigo de politico ganhando milhares de Reais.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *