Início » Brasil » Crivella cotado para o Ministério dos Esportes
Coluna Esplanada

Crivella cotado para o Ministério dos Esportes

Com o aumento da bancada do PRB na Câmara e excelente capital eleitoral apesar da derrota (apertada) para o governo do Rio de Janeiro, o ex-ministro da Pesca Marcelo Crivella é o nome mais cotado para o Ministério do Esporte

Crivella cotado para o Ministério dos Esportes
A presidente Dilma pediu um nome do Rio ao prefeito Eduardo Paes (Reprodução / Internet)

Com o aumento da bancada do PRB na Câmara e excelente capital eleitoral apesar da derrota (apertada) para o governo do Rio de Janeiro, o ex-ministro da Pesca Marcelo Crivella é o nome mais cotado para o Ministério dos Esportes. Há três semanas, em reunião no Planalto, a presidente Dilma pediu um nome do Rio ao prefeito Eduardo Paes e ao governador Luiz Fernando Pezão para o Ministério do Esporte. Não necessariamente do PMDB, partido de ambos, mas que fosse costura suprapartidária. Ela quer um representante do Estado na pasta por causa das Olimpíadas de 2016.

Saldo

O PRB entrará 2015 no Congresso com 21 deputados federais – entre eles Russomano (SP), o mais votado do Brasil. Ainda elegeu pelo País 31 deputados estaduais.

Outras saídas

O PRB requer dois ministérios. Crivella também sonha com a Defesa, pela boa relação com militares. É vitrine para ele disputar a prefeitura do Rio. O PT está fraco na capital.

Melhor dos mundos

No melhor dos cenários para o partido, se ficar com duas pastas, ainda manteria a Pesca e o nome é Vitor Paulo, dirigente nacional do PRB.

Balança a rede

Bateu desespero nos corredores do Ministério da Pesca, atualmente com o PRB e o ministro Eduardo Lopes, suplente de Crivella. A ministra Ideli Salvati (PT-SC), hoje nos Direitos Humanos, foi convidada a voltar à pasta se Crivella for para o Esporte. Assim, o PRB se contenta com a pasta, que valeria ‘por duas’ pela importância.

Acolhendo

A eventual volta de Ideli para o comando da Pesca compensaria parte do PT e da corrente que ela representa. Os petistas vão perder bons espaços em outras pastas que ficarão com aliados. A Pesca, maior que Direitos Humanos, acolheria uma turma maior.

Câmara dos Empreiteiros

O Governo do DF entrou em leilão para um bando. Trata-se na Câmara Distrital, para o apagar de 2014, aprovar ampliação de área de construções nos Lago Sul e Norte. O shopping Iguatemi, por exemplo, poderá ser ampliado de 40 mil m² para 120 mil m².

Chamem o camburão!

Bateu desespero na equipe de transição do futuro governador Rollemberg (PSB), do DF. Agnelo Queiroz (PT), de saída após vexame, deixa mais de R$ 3 bilhões de rombo.

Piada pronta

Piada ontem em Brasília: PT, PP, PMDB davam desconto de até 50% na propina nos contratos da Petrobras, na onda da promoção da Black Friday.

Itaú por Bradesco

O líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque, lembrou que Dilma crucificava Marina Silva como candidata dos banqueiros. A presidente deixou a Fazenda com o Bradesco, segundo ele. Joaquim Levy, futuro ministro, é dos quadros do bancão.

Sempre alerta

O Brasil vai receber na terça-feira um dos maiores especialistas em combate ao terrorismo, o espanhol Fernando Reinares, investigador do Real Instituto Elcano de Madri, ex-assessor do governo da Espanha. Inscrições no link http://bit.ly/1zEVOpc

InfoRel

Reinares vai proferir aula magna sobre as transformações do Terrorismo e a Segurança Internacional, na Comissão de Relações Exteriores da Câmara. O evento comemora 10 anos do Instituto InfoRel, de Marcelo Rech, especialista em coberturas internacionais.

Pelo fim do balcão

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) propôs em emenda do projeto de Lei Eleitoral a proibição de que um ou mais partidos somem os tempos de TV em favor de sua coligação. Ela tem dito que nas Eleições 2014 teve venda explícita de tempo.

Modus “repetitivus”

‘Não é possível continuar nessa situação, em que um candidato tem 11 minutos no horário eleitoral, enquanto outro conta com apenas dois minutos’, acrescenta Lídice.

Três incógnitas

A nova equipe econômica se transformará nos “Três Mosqueteiros” ou “Três Patetas” de Dilma. Quem sobreviver, verá. Desejamos muita sorte para eles. Competência, têm.

Ponto Final

Depois do Black Friday, vem aí o Black Month – as contas do vencimento do cartão de crédito.

5 Opiniões

  1. Regina Caldas disse:

    Concordo com voce, Bentes! Parlamentar eleito não deve ocupar Ministérios ou qualquer outro setor do Executivo. Seu lugar é o Parlamento, foi eleito para representar o cidadão no poder Legislativo. A Casa do Povo é o Parlamento.

  2. Almanakut Brasil disse:

    Record é a emissora oficial dos Jogos Olímpicos do Rio 2016 –

    http://rederecord.r7.com/video/record-e-a-emissora-oficial-dos-jogos-olimpicos-do-rio-2016-50268788b61c7d020451d7ed/

    Milagre Dos Peixes – Belmondo & Milton Nascimento –

    Nicolas Martigne –

    https://www.youtube.com/watch?v=slHTZvcZ-fE

  3. Joma Bastos disse:

    Pasta desnecessária! A primeira coisa a fazer, seria reduzir a quantidade de ministérios em 50%!

  4. DJALMA P BENTES disse:

    É o sucesso das três incógnitas vai depender do Exu de 9 dedos e o restante da quadrilha.

  5. DJALMA P BENTES disse:

    Duvido muito que se encerre as “atividades” do balcão de negócio no parlamento brasileiro. A excelente idéia da Senadora Lídice da Mata, JAMAIS será aprovada. Outra coisa para ‘tentar’ moraliza seria impedir que parlamentares eleitos para tal, trocassem para executivo (administrar(sic) estatais, assumiir ministérios e outros.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *