Início » Brasil » Desde 1994, Brasil tem crescimento baixo de nação rica e inflação de país pobre
Plano Real

Desde 1994, Brasil tem crescimento baixo de nação rica e inflação de país pobre

O país tem a sétima maior inflação acumulada entre 1995 e 2013, com uma média anual de 7,2%

Desde 1994, Brasil tem crescimento baixo de nação rica e inflação de país pobre
Após 20 anos de Plano Real, inflação ainda é problema (Fonte: Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Após 20 anos do Plano Real, os resultados para a economia do Brasil são de uma nação com inflação alta de país subdesenvolvido e crescimento baixo de país rico. Segundo levantamento do economista-chefe da Austin Rattig, Alex Agostini, o país tem a sétima maior inflação acumulada, entre 1995 e 2013, o que representa 275,4% com uma taxa média anual de 7,2%, ficando atrás nesta categoria da Venezuela e da Colômbia.

No ranking do crescimento, o Brasil está na 15ª posição, com uma média de expansão de 3%, o que mostra o perfil de crescimento de países desenvolvidos, que tem um ritmo mais lento. No entanto, o país mantém a inflação em alta, o que é um problema típico de países mais pobres.

Para o economista, a fonte do problema está no custo do Brasil, que reduz o crescimento, e está relacionado ao preço de suas deficiências estruturais, como logística, mobilidade urbana, burocracia e tributação alta e complexa.

A estimativa da inflação para este ano é de 6,46%. O levantamento comparou dados de 32 países da América Latina, Brics, Tigres Asiáticos e desenvolvidos.

Fontes:
O Globo - Brasil teve crescimento baixo de nação rica e inflação de país pobre

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. helo disse:

    O governo não se preocupou com a inflação. Gastou muito consigo mesmo, pensou no curto prazo eleitoral, manipulou números e o futuro estável foi para o espaço. Mesmo com todos os jeitinhos e jeitões não deu para segurar. A vida já está cada dia mais cara. Os pobres são os que mais sofrem com a inflação e com a falta de crescimento.

  2. Vitafer disse:

    Tomara que ganhemos a Copa!

  3. Jairo Pinto Barbosa disse:

    Como explicar isto;
    PIB 2000 era de US$ 450. bi
    2013 foi de US$ 2,2 Tri
    Fluxo de comércio exterior;
    2000 US$ 97. bi
    2013 US$ 480 bi.

    Alguma coisa não bate nesta conta.

  4. Paulo Fernando disse:

    Entendo que a economia saudável é aquela que se preocupa com maior volume da poupança interna, que gera mais investimento, sem depender do capital estrangeiro não gera dívida astronômica interna e externa, tem mais exportação e menos importação, pleno emprego, baixos juros e inflação, não sucateia as indústrias, baixa carga tributaria maior controle fiscal, avanço de tecnologia constante sem depender de importar essa tecnologia, distribuição de renda, controle dos gastos público e transparência(prestação de contas, alto nível de educação e políticas públicas uniforme. Dai quem sabe, pode modificar em muito e melhorar para alcançar o patamar. de um grande pais desenvolvido.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *