Início » Brasil » Dilma dá adeus a cinco indicações para o STF
Coluna Esplanada

Dilma dá adeus a cinco indicações para o STF

A se concretizar a PEC – que passa de 70 para 75 anos a aposentadoria compulsória de ministros das cortes– Dilma perderá a indicação de quatro ministros só para o STF

Dilma dá adeus a cinco indicações para o STF
Votação de segundo turno a PEC da Bengala será neste semestre (Reprodução/Internet)

Não há mais negociação. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, confirma à Coluna que vai colocar em votação de segundo turno a PEC da Bengala neste semestre. ‘Só estou esperando passar a pauta pesada, de discussão da terceirização e do pacote fiscal, e logo em seguida vamos votar. Acho que passa’. Ele avisou pessoalmente à própria presidente Dilma Rousseff, no jantar – cordial, mas indigesto para ela – que tiveram no Palácio da Alvorada na última quinta-feira. Ela não protestou, e suspirou resignada.

Ação simultânea

Como Renan Calheiros cortou relações com a presidente, e segue afinado com Cunha, o presidente do Congresso já avisou que promulgará a PEC no mesmo dia que aprovada.

Puxadinho judicial

A se concretizar a PEC – que passa de 70 para 75 anos a aposentadoria compulsória de ministros das cortes– Dilma perderá a indicação de cinco ministros só para o STF.

Pesadelo petista..

A PEC derruba o sonho – por ora – de candidatos como os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça), Luís Adams (AGU) e Benedito Gonçalves, do STJ, favorito de Lula.

.. e esperança

Por ora, porque, se um candidato da coalizão petista vencer a eleição em 2018, os supracitados têm chance de entrar na lista. Do contrário, dão adeus para valer.

Barbosa, o candidato                                                                                                                                                                                                    mazzin145

Fora dos holofotes há oito meses, o ex-presidente do STF Joaquim Barbosa provou da alta popularidade que mantém. Foi o astro na Vila da Regata, em Itajaí (SC), no evento da Volvo Ocean Race na última segunda-feira. O auditório de 400 lugares, com ingresso pago, já estava lotado por 500 pessoas às 16h, para palestra que se iniciou às.. 19h.

Sem lanchinho

A presença de Barbosa foi de tamanha repercussão que os organizadores instalaram telão do lado de fora do auditório para 2 mil espectadores. Mal conseguiu falar sobre ética e administração pública. Foi aplaudido a cada pausa para respirar.

Memorial

Gente graúda do Governo do DF e do Planalto está assustada com a voracidade do PDT, dos herdeiros de João Goulart e do escritório de Niemeyer. Insistem na construção imediata do Memorial do ex-presidente em Brasília, outrora projetado para São Borja.

Tá explicado

Todos os envolvidos conseguiram emendas parlamentares da Bancada do Rio de Janeiro para o Memorial. E se não sair do papel, elas caducam.

Rasante..

A Associação de Empregados da Infraero – em processo de desmantelamento com as concessões – está em pé de guerra com o presidente da estatal, Gustavo do Vale. Convenceu o federal Flavinho (PSB-SP) a pedir uma comissão especial na Câmara, tripartite com a Associação, o TCU e o MP, para acompanhar as privatizações.

.. e aterrissagem

Mal o deputado protocolou o pedido, o presidente da Infraero o visitou em seu gabinete na tentativa de reverter o quadro. Os servidores acusam o governo de entregar os aeroportos mais lucrativos para as empreiteiras doadoras de campanha do PT.

Seis meses depois

A recondução do ministro Henrique Neves ao TSE foi vitória comemorada pelo presidente do tribunal, ministro Dias Toffoli, e pelo neoaliado ministro Gilmar Mendes. Toffoli anda contrariado com a presidente Dilma, e em processo de ‘Gilmartização’.

Êpa, Êpa!

Enquanto as atenções se voltam para PCdoB e PT, que trabalham claramente pela regulação da mídia, algumas armadilhas passam despercebidas: o federal Heuler Cruvinel (PSD-GO) apresentou o PL 1150/15 que conota censura prévia.

Explica mais..

O texto ‘Acrescenta o artigo 201-A no Decreto-lei nº 2.848, de 07 de dezembro de 1940’ no  Código Penal, ‘tipificando o crime de violação de prerrogativas do Jornalista’

Torneira

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) vai propor um projeto de lei que proíba a doação aos partidos de parte do salário dos comissionados em órgãos da União.

Ponto Final

Cadê o Lula nessas horas?

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *