Início » Brasil » Dilma manda Abin monitorar ‘rolezinhos’
Coluna Esplanada

Dilma manda Abin monitorar ‘rolezinhos’

Dilma teme duas situações iminentes: a infiltração de militantes políticos da oposição e um episódio violento entre policiais e jovens, que pode desencadear um efeito dominó em todo o país às vésperas do Carnaval

Dilma manda Abin monitorar ‘rolezinhos’
Decisão foi tomada há poucos dias em reunião no gabinete presidencial (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Por determinação da presidente Dilma Rousseff, a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) está monitorando os ‘rolezinhos’ (a movimentação em grupo de jovens em shoppings) em todo o País. Com agentes infiltrados e principalmente através das redes sociais. A decisão foi tomada há poucos dias em reunião no gabinete presidencial com a participação do comando da Abin e dos militares do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

Na avaliação da presidente e assessores próximos, os ‘rolezinhos’ são por ora um movimento sócio-cultural, sem risco, porque não há infiltração política ou violência. Quem está a cargo da interlocução com movimentos sociais é o ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho. A orientação dada aos governadores e prefeitos é para que a PM apenas monitore os grupos, sem confronto – a não ser que seja provocada, o que não ocorreu.

Leandro Mazzini é escritor e colunista do Opinião e Notícia

É justamente um eventual confronto que preocupa a presidente Dilma. Ela teme duas situações que podem ser iminentes: a infiltração de militantes políticos da oposição (ao governo federal ou aos governos estaduais) e um episódio violento de confronto entre policiais e jovens, que pode desencadear um efeito dominó em todo o País, às vésperas do Carnaval. Se a coisa cresce, chega às portas dos estádios durante a Copa. Dilma quer evitar uma nova versão das manifestações de Junho passado, quando milhares de pessoas foram às ruas, por protestos diversos, mas principalmente movidas pelas redes sociais.

Feliciano chuta a porta (dos fundos)

Ainda rende muita polêmica entre os cristãos, em especial os católicos, o especial de Natal da Porta dos Fundos veiculado no Youtube, com paródias sobre a família de Cristo, seu nascimento e sua crucificação. O deputado pastor Marco Feliciano (PSC-SP) protocolou na última quinta-feira representação no Ministério Público de São Paulo para que a instituição investigue a turma por calúnia e difamação, e pede que o MP denuncie a produtora a fim de excluir o vídeo. Feliciano pretende pedir indenização por danos coletivos, calcula R$ 1 milhão – dinheiro que, se o caso for à Justiça e lhe render, será destinado, segundo ele, aos hospitais das Santas Casas de Misericórdia. Segundo o deputado a contato da Coluna, ele se ‘sentiu ofendido na sua condição de cristão’, e pede ‘medidas cíveis e criminais’. Até o fechamento da Coluna, na sexta, a assessoria da Porta dos Fundos não se pronunciou.

Charge de Aliedo

Só torneiro mesmo

O então presidente Lula já surfava na onda do carisma mundial à sua figura quando foi visitar o rei da Espanha, Juan Carlos, e sua rainha Sofia, em Madri.

Seguido todo o protocolo desde o aeroporto até o Palácio Real, o rei serviu um banquete para a comitiva brasileira. À mesa Lula, a primeira-dama Marisa Letícia, e senadores brasileiros.                                                                                                                                                            

Bem à vontade e falante, o presidente, sentado ao lado da rainha, chamou a atenção da anfitriã pela simpatia. Ela então quis puxar papo:

– É verdade que o senhor é marxista-leninista?

E Lula, de pronto, olhando firme para ela:

– Não senhora, sou só torneiro mecânico mesmo.

E arrancou gargalhadas da mesa. Aliás, a rainha adorou.

Ponto Final

Se o ‘rolezinho’ preocupa assim a presidente, imagina quando a base governista fizer o dela no Palácio.

______________________________

Com Maurício Nogueira, Luana Lopes e Equipe DF e SP

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

9 Opiniões

  1. Joaquim Caldas disse:

    As falsas promessas de campanha de Lula para eleger Dilma,provoca saia justa entre Roseana Sarney e a própria Dilma,que só endurece o “maranhão”de Sarney,com tanto calor,o maranhense precisa tirar a roupa? A maior verdade de campanha para eleger Dilma foi as mentiras repetidas vezes.Nunca tantos,mentiram tanto para o mundo.

    TEORIA DO CRIME.
    A somo dos quadrados dos catetes é igual ao comprimento da hipotenusa: PMDB+PSDB é = ao PT.
    Por definição,a hipotenusa é o lado oposto ao ângulo reto,e os catetos são os dois lados que o formam.(PSDB,PMDB).É hora de mudar de hipotenusa?

  2. PC disse:

    Afinal, qual o significado dos ‘rolezinhos’ serem por ora um movimento sócio-cultural?
    Existe alguma definição o que é um movimento sócio-cultural?

  3. Hi Vitality disse:

    Não vou me acostumar NUNCA com o fato da dilma ser a president”a” desse chiqueiro chamado Brasil.
    Com o perdão das lavadeiras, essa “peça” não tem competência sequer para ser uma delas.

  4. Renato de la Rocha disse:

    Vocês deveriam fazer piada sobre um bêbado bem conhecido da direita braZileira: Aécio Neves. No YouTube tem um vídeo em que ela aparece bêbado e dando gorjeta de R$ 100,00 para um garçom. Ou aproveitar algumas das fotos em que ele aparece bêbado tomando cerveja num boteco. Também podem fazer piadas com as entrevistas “em inglês” do babaca FHC. São ótimos materiais. Aproveitem e divirtam-se, afinal, estes materiais são “reais” e bem melhor do que inventar piadas sobre o Lula, não é? Ou as piadinhas de vocês são só para a direita burra se divertir com as mentiras???

  5. Miguel Meira disse:

    Essa Dilma está com complexo de Obama. Agora está espionando o Brasil de norte a sul.
    A ditadura espionou meia dúzia.

  6. Marluizo Pires Cruz disse:

    Parece que o monitoramento dos indivíduos é mesmo questão fundamental na hegemonia da manutenção do poder, nos países subdesenvolvidos o poder instituído monitoram algumas classes sociais do povo, nos países civilizados formam-se alianças de supremacia de poder tecnológicos de monitoramento no interesse maior de monitorar os Governos e os povos desses países subdesenvolvidos que embora criticando e reclamando do monitoramento externo do seu Governo mantêm nas mesmas práticas com menos competência monitorando classes sociais menos favorecidas de bens materiais. Prevalecendo o dito popular faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço. Em fim quem tem os olhos vedados é a Justiça com os ouvidos abertos!

  7. Áureo Ramos de Souza disse:

    E SE OS ROLEZINHOS PASSAREM AO AUMENTATIVO ROLEZENHÃO NOS PRÓXIMOS MESES, QUAL AS MEDIDAS AOS ROLEZÃO. SERÁ UMA MISTURA COMO JÁ ACONTECEU, AS MANIFESTAÇÕES ERAM PASSIFISTAS E TORNOU-SE ANARQUISTAS. ENTÃO O ROLEZINHO É NADA MAIS NADA MENOS QUE UM FUTURO ROLEZÃO.

  8. Mauricio Fernandez disse:

    Dilma pode ganhar as próximas eleições. Hoje está com a eleição perdida tendendo a piorar. O descompasso se dá por conta da oposição claudicante e desencontrada quando já deveria estar ensaiando o passo certo. Portanto também ocorre com o PT e Dilma que teimam em não conversar com ninguém que não sejam “os da panela”. Enquanto testam logística e remédios para marchas (que país inteiro esqueceu como que por milagre), passeatas e rolezinhos descuidam das verdades do poder. Um perigo monumental. Se der errado restará a opção de uma dura repressão mas sem o tão necessário, indispensável e fundamental apoio politico. Faz pensar que o trabalho da ABIN será o de saber com quem contará o governo e agirá no caso da coisa descambar para o cacetete, bala de borracha, gaz de pimenta e prisão indiscriminada. Não é mais nem menos……

  9. Luis Barati Silva disse:

    Devia mandar a Abin monitorar os corruptos.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *