Início » Brasil » Dilma sabia de doações por caixa 2, diz Marcelo Odebrecht
DEPOIMENTO AO TSE

Dilma sabia de doações por caixa 2, diz Marcelo Odebrecht

Ex-presidente Dilma Rousseff chamou a declaração de Marcelo Odebrecht de 'leviana'

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 1º de março, Marcelo Odebrecht, ex-presidente da empreiteira Odebrecht, afirmou que a ex-presidente Dilma Rousseff sabia de todas as doações por caixa 2 para sua campanha à reeleição em 2014.

O empresário falou como testemunha no âmbito das ações que tramitam no TSE pedindo a cassação da chapa Dilma-Temer por suposto abuso de poder político e econômico na última eleição presidencial.

A ex-presidente Dilma chamou a declaração de Marcelo de “leviana” e pediu que ele comprove o que disse ao TSE. Em nota, a assessoria de Dilma ressaltou que ela “jamais pediu recursos para campanha ao empresário em encontros em palácios governamentais, ou mesmo solicitou dinheiro para o Partido dos Trabalhadores” e ainda que “o senhor Marcelo Odebrecht precisa incluir provas e documentos das acusações que levanta contra a ex-presidenta da República, como a defesa de Dilma solicitou — e teve negado os pedidos — à Justiça Eleitoral. Não basta acusar de maneira leviana”.

Em seu depoimento no início de março, Marcelo Odebrecht negou que tenha conversado com Dilma a respeito da campanha de 2014, mas afirmou que a ex-presidente “sabia da dimensão da nossa doação” e ainda que os pagamentos não constavam na prestação de contas do PT.

Questionado pelo ministro Herman Benjamin, relator do processo de cassação da chapa Dilma-Temer no TSE, Marcelo Odebrecht ressaltou que “o que Dilma sabia era que a gente fazia, tinha uma contribuição grande — a dimensão da nossa contribuição era grande, ela sabia disso — e ela sabia que a gente era responsável por muitos pagamentos para o João Santana. Ela nunca me disse que sabia que era caixa 2, mas é natural, é só fazer uma… ela sabia que toda aquela dimensão de pagamentos não estava na prestação do partido”.

Em um trecho do depoimento, o ex-presidente da Odebrecht afirmou também que a empreiteira doou R$ 150 milhões à chapa Dilma-Temer, mas não informou quanto foi doado por meio do caixa oficial e via caixa dois.

Fontes:
G1 - Ao TSE, Marcelo Odebrecht diz que Dilma sabia de todas as doações por caixa 2

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Natanael Ferraz disse:

    Ele tem muito a perder e nada a ganhar sendo leviano. Há muito vem se dizendo que a eleição foi fraudada, só não sabíamos como, pois o Odebrecht disse.

  2. Beraldo disse:

    A situação do Marcelo Odebrecht, já está resolvida. A Odebrecht devolverá R$ 7 bilhões à União e ponto final. Mais um tempinho de burocracia e tá limpo e liberado. Tem mais nada a perder.

    Com este acordo de devolução de R$ 7 bilhões, todos se tornaram seus reféns, principalmente Sua Alteza Michel Temer e sua “tchurma” por demais conhecida.

    Ele, agora, pode e vai escolher seus alvos. E os critérios de escolha também.

    “O futuro a Deus pertence.”

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *