Início » Brasil » Dilma tenta contornar protestos com ‘Lei dos Caminhoneiros’
Protestos nas Estradas

Dilma tenta contornar protestos com ‘Lei dos Caminhoneiros’

Segundo a Secretaria-Geral da União, lei será aprovada nesta segunda-feira, 2. Com isso, Dilma espera o fim da greve que paralisa rodovias

Dilma tenta contornar protestos com ‘Lei dos Caminhoneiros’
Nova lei irá dar isenção de pedágio para eixo suspenso de caminhões vazios (Foto: Reprodução/Internet)

De acordo com a Secretaria-Geral da União, a presidente Dilma Rousseff irá sancionar nesta segunda-feira, 2, a “Lei dos Caminhoneiros”. De acordo com o projeto, os trabalhadores da classe terão isenção de pedágio para eixo suspenso de caminhões vazios, perdão de multas por excesso de peso nos últimos dois anos e ampliação do número de locais de repouso.

Leia também: Governo vai ampliar presença policial para liberar rodovias

Em nota oficial, a secretaria afirmou que os termos da lei, que foram decididos em reunião com o líderes da classe na última semana em Brasília, serão sancionados sem vetos.

“Também nesta segunda-feira, o governo tomará as medidas necessárias junto ao Congresso Nacional para permitir a prorrogação por 12 meses das parcelas de financiamentos de caminhões adquiridos pelos programas ProCaminhoneiro e Finame, do BNDES”, concluiu a nota da Secretaria-Geral.

Com isso, o governo espera que a greve seja encerrada ainda nos primeiros dias desta semana. A equipe de Dilma trabalhou em duas frentes para acabar com o movimento. Além das negociações, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, fez discurso contra os grevistas e instituiu multa de R$ 10 mil por hora de paralisação. Apesar disso, a greve continuou.

Fontes:
Estadão-Dilma vai sancionar 'Lei dos Caminhoneiros' sem vetos

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *