Início » Brasil » É assinado o Tratado de Tordesilhas
NESTA DATA

É assinado o Tratado de Tordesilhas

O acordo dividia entre Portugal e Espanha as terras descobertas nas Américas e foi assinado no dia 7 de junho de 1494

É assinado o Tratado de Tordesilhas
O tratado criou uma linha imaginária como referência para a divisão das terras sul-americanas (Reprodução/Internet)

No dia 7 de junho de 1494, Portugal e Espanha assinaram na cidade de Tordesilhas, na Espanha, o tratado que dividia as terras do chamado “novo mundo”. Esse documento, batizado de Tratado de Tordesilhas, foi criado um ano e meio após a chegada de Cristóvão Colombo à América.

A Espanha se preocupava em proteger o que acabara de descobrir e pediu ao papa Alexandre VI que concedesse a posse de todas as terras descobertas a 100 léguas a oeste da ilha de Santo Antão, no arquipélago de Cabo Verde.

A autorização concedida pelo papa impedia que Portugal tivesse a posse de territórios recém-descobertos no continente americano. Além disso, o limite de 100 léguas dificultava a navegação portuguesa no oceano Atlântico.

Assim como a Espanha, os portugueses eram uma potência militar e econômica na época e, para evitar conflitos, foi estabelecido um novo acordo. No Tratado de Tordesilhas, espanhóis e portugueses aumentaram o limite, que passou de 100 para 370 léguas a oeste da ilha de Santo Antão.

Essa linha imaginária era referência para os dois países na divisão das terras. O território ao oeste pertenceria à Espanha e ao leste, a Portugal. Com o passar do tempo, os portugueses começaram a invadir o território espanhol, fazendo com que o território brasileiro ganhasse o contorno atual. Mesmo com o desrespeito português ao tratado, os espanhóis não se defenderam, pois estavam ocupados com o restante do continente americano, ao norte, ao oeste e ao sul do Brasil.

O Tratado de Tordesilhas deixou de vigorar em 1750, com a assinatura do Tratado de Madrid, no qual as coroas portuguesa e espanhola estabeleceram novos limites de divisão territorial para as colônias na América do Sul.

Fontes:
InfoEscola-Tratado de Tordesilhas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

5 Opiniões

  1. André Ricardo Cruz Fontes disse:

    Não é verdade que os portugueses tenham desrespeitado o Tratado. A União das coroas portuguesa e espanhola por Filipe II (Espanha) ou Filipe I (Portugal) fez com que os espanhóis descumprissem outras cláusulas do Tratado, relativamente à parte oriental do Tratado de Tordesilhas e ocupassem, via de consequência, as Molucas e as Filipinas (dentre outros), que eram a outra parte portuguesa. Essas violações do Rei Filipe ocorreram após o Tratado e conduziram à sua insubsistência, e na prática tornava confuso o que era espanhol e português. Dizia-se que para Filipe o sol nunca se punha! E isso era afirmado com a tomada do território português do Oriente. Ficou, assim, aberto o espaço brasileiro para o Leste, e, por consequência, o início da formação histórica do território brasileiro. Portanto, quem violou o Tratado foi a Espanha e não Portugal. A Espanha não somente tinha o Papa espanhol Alexandre ao lado por lhe entregar as Ilhas Canárias até, então, portuguesas, como obteve os favores do controvertido pontífice Bórgia na arbitragem que Portugal julgou de modo ingênuo que se pautaria pela imparcialidade do árbitro espanhol Bórgia Alexandre VI.

  2. Evandro Correia disse:

    Não esquecer que esse Papa era o pai da famigerada Lucrécia Bórgia, devassa e assassina.

  3. Dorival Barroso disse:

    Foram os Bandeirantes paulistas quem desrepeitaram o tratado e foram avançando para Oeste, aumentando enormemente o território brasileiro.

  4. Carlos Vanderbury disse:

    A assinatura do Tratado comprova que eles já conheciam a terra e seu potencial; e que os espanhóis foram muito mais habilidosos, o que pode ser comprovado simplesmente olhando para o mapa atual.

  5. Anibal Tabárez disse:

    Não podemos deixar de lado dois pontos da maior importancia.
    1. Portugal, cuja independencia da España se dá em 1640, negocia de igual para igual com seu ex-patrão ( España ) 35 anos depois ( 1675 ) o Tratado de Tordesilhas. Isto fala claramente do poder de fogo em termos de negociação dos portugueses.
    2. Agora uma pergunta : quem Vcs acham que estava por trás de Portugal nesse ” peitada ” na Espanha ? França ou Inglaterra ? Ou os dois ? Lembrem-se apenas que em mais de uma oportunidade Portugal se escondeu embaixo das saias inglesas ou francesas, quando a España se lembrava que Portugal existia ( e a atacava ). E só ler a História. Está tudo lá.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *