Início » Brasil » É isso que temos. Pode embrulhar para presente?
Grita Brasil

É isso que temos. Pode embrulhar para presente?

Hoje, temos desemprego crescendo, inflação alta, real desvalorizado, incertezas internas e externas, investidores apáticos, medo, e muita lama sendo varrida para fora do tapete

É isso que temos. Pode embrulhar para presente?
A coluna Grita Brasil é publicada às quintas

Eu sinceramente nunca me enganei. Eu sempre soube. Desde o começo. Nem por um momento achei que uma barba e um cara com menos um dedo fosse me comover e convencer. Por mais que ele prometesse um país todo cor de rosa. Até porque meu país é verde e amarelo.

Não acredito em contos de fada. Já até posso ter acreditado, mas eu era criança.

dilma lula

Dilma é cor de rosa! Promete sempre cor de rosa!

Então, ele veio, fez o que fez; algumas (poucas) coisas boas sim – mas com uma contrapartida cara – e, algumas outras muitas coisas ruins ele também fez, mas jura que não
fez e que nunca fizeram. Mesmo assim, ele voltou, ou melhor, ele nem saiu. Depois fez de tudo para deixar outra pessoa em seu lugar como coadjuvante enquanto ele descansava para os cegos e usuários de antolhos. Esta pessoa repetiu as mesmas coisas que seu mestre fez e mandou (?). Não satisfeita, resolveu fazer mais e deixaram que ela ficasse, e apesar de tudo, pessoas caíram em sua lábia. Novamente foi prometido que o governo do PT continuaria sua luta na pintura do tal país cor de rosa, onde os trabalhadores seriam tratados com respeito, como gente, ganhando como tal (gente), comendo carne, frango. Onde a inflação não teria lugar, onde empresários iriam poder gerar mais empregos, pois a folha de pagamento seria desonerada. Nada de mexer em impostos. E que o combate à corrupção seria sua sina e seu maior legado.

Ledo engano. Mil vezes.

Hoje, temos desemprego crescendo, inflação alta, real desvalorizado, incertezas internas e externas, investidores apáticos, medo, e muita lama sendo varrida para fora do tapete e mostrando que a tal da corrupção está longe de sair das primeiras páginas dos jornais aqui e no mundo.

E mesmo assim, as promessas vis da presidente Dilma continuam sendo cuspidas na nossa cara. E muitos continuam gostando.

Um exemplo disso é apontado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) que diz que 57% de 491 contratos do PAC têm obras paralisadas, atrasadas e não iniciadas. Ou seja, mesmo assim a presidente aparece lançando mais um PAC. Já estamos no terceiro, mesmo sem finalizar os outros dois. E enquanto isso o povo vai sofrendo com falta de saneamento, hospitais, creches, escolas, luz, água.

Outro exemplo foi quando Dilma disse já em sua posse que a prioridade das prioridades seria a Educação. Só que não é o que vemos aqui. Eu pelo menos não enxergo como nem sendo uma prioridade dar educação ao povo. Povo educado, povo esclarecido pode ser perigoso para um governo como é para o PT.

Se um país é sério na Educação não acharíamos livros didáticos comprados pelo Ministério da Educação, alguns dos anos letivos 2014-2017, para serem distribuídos nas escolas estaduais de Suzano na Grande São Paulo, sendo vendidos num ferro-velho. E ainda ser obrigado a ouvir a responsável pelas escolas, Vera Lucia Miranda, dizer que foi um erro durante o descarte de materiais velhos e com defeito, como mesas e cadeiras.

Temos também um ministro, Dias Toffoli, que por várias razões nunca poderia presidir um julgamento do porte da Operação Lava Jato, sendo autorizado por outro ministro, Ricardo Lewandowski, a se transferir da 1ª turma para a 2ª turma do STF, justamente para exercer tal função. E justamente logo esses dois ministros que com seus votos e suas visões míopes livraram certas pessoas de penas mais duras no julgamento do mensalão.

Ah, claro, temos também uma presidente completamente irresponsável – novidade isso, né? – que mesmo diante da crise em que o país se encontra, quando se discute aonde vai se cortar a gordura, quando o próprio governo sabe que do jeito que está não terá dinheiro para pagar e arcar com seus custos – estranho isso de não terá dinheiro – mas que resolve dar uma repaginada nas roupas dos seguranças, equipes de cozinha e dos garçons do Palácio da Alvorada e lança um edital de licitação no valor de R$ 834 mil reais.

Sem falar que Dilma mesmo sabendo da necessidade no ajuste de contas do governo – mas eu acabei de falar sobre isso! – sancionou o aumento da verba do fundo partidário, que foi triplicada no Orçamento deste ano.

Mas isso é somente parte do que temos.

Minha única dúvida no momento é se você vai querer um laço no embrulho: pode ser cor de rosa?

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambientes fechados.

 

1 Opinião

  1. Joma Bastos disse:

    Estamos à beira do caos econômico e social.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *