Início » Brasil » Eduardo Campos morre em acidente aéreo em Santos
CANDIDATO À PRESIDÊNCIA

Eduardo Campos morre em acidente aéreo em Santos

Avião que levava o presidenciável caiu em uma zona residencial no litoral paulista

Eduardo Campos morre em acidente aéreo em Santos
Campos estava a bordo do avião que caiu (Reprodução/Internet)

O candidato à Presidência da República Eduardo Campos morreu na manhã desta quarta-feira, 13, quando o avião em que viajava caiu em Santos. O candidato seguia para um evento na cidade chamado SantosExport.

O jato do candidato caiu no litoral, em uma área residencial na região do Guarujá. Assessores da campanha de Campos tentavam, sem sucesso, fazer contato com o presidenciável, após serem avisados que um avião do mesmo modelo utilizado pelo candidato caiu quando traçava uma rota similar à de Campos.

O Corpo de Bombeiros confirmou a queda, que ocorreu na altura do número 136 Rua Alexandre Herculano, esquina com Rua Vahia de Abreu, nas imediações do Canal 3, a cerca de sete quadras da praia.

O avião, um Cessna 560 XL, prefixo PR-AFA , caiu às 10h da manhã. Ele deixou o aeroporto do Santos Dumont às 9h20 com destino a Santos e perdeu o contato com o controle aéreo. Carlos Siqueira, primeiro secretário do PSB, confirmou que Campos estava a bordo do avião que caiu. Junto com o candidato estavam os assessores de campanha Pedro Valadares e Carlos Percol, cujos nomes já foram incluídos na lista de vítimas fatais divulgada pelos bombeiros. O piloto do avião que levava Campos tentou fazer um pouso de emergência no Guarujá, mas decidiu arremeter por conta do mau tempo. Logo depois, o avião caiu.

De acordo com a legislação eleitoral, o PSB tem dez dias para indicar um novo nome para a assumir a candidatura no lugar de Campos. Ao que tudo indica, a escolhida para o posto será Marina Silva, que não estava no avião. O PSB possivelmente indicará outra pessoa para o cargo de vice-presidente da candidatura, atualmente ocupado por Marina. A ex-senadora viajou para Santos apos saber do acidente.

Após saber da notícia, a presidente Dilma Rousseff cancelou todos os compromissos de campanha. Aécio Neves, candidato do PSDB, também cancelou seus compromissos e se disse perplexo com o acidente.

Eduardo Campos havia completado 49 anos no último domingo, 10, e morreu no mesmo data em que seu avô, o deputado federal Miguel Arraes, morreu, em 13 de agosto de 2005.

Trajetória política

Nascido em Recife, Eduardo Campos fazia parte de uma tradicional família de políticos de Pernambuco. Filho da ministra do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes, com o escritor Maximiano Campos, o candidato era neto do ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes, que também foi deputado federal pelo estado de Pernambuco.

Campos se formou em economia pela Universidade Federal de Pernambuco e iniciou sua trajetória política como presidente do Diretório Acadêmico da faculdade de economia, em 1985. Em 1990, Campos se filiou ao PSB, onde conquistou seu primeiro mandato como deputado estadual.

Campos assumiu a presidência nacional do PSB em 2005. No ano seguinte, foi eleito governador de Pernambuco. Ex-ministro de Ciência e Tecnologia do governo Lula, Campos rompeu a aliança com o PT da presidente Dilma Rousseff no final de 2013. Posteriormente, Campos selou aliança com a ex-senadora Marina Silva, vice em sua chapa na corrida ao Palácio do Planalto.

Fontes:
O Globo-Eduardo Campos morre após acidente aéreo em Santos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

13 Opiniões

  1. Claudio Goncalves disse:

    Quem está construindo porto am CUBA? Quem apóia Nicolas Maduro? Quem apóia os terroristas
    do HAMAS?
    A ditadura militar no Brasil dos anos 60, está parecendo “jardim de infância”.
    A “investigação” da aeroDIlmaLula vai concluir; “Culpa do piloto”.
    Uma aeronave de última geração que cai como uma “bola de fogo”, segundo relatos.
    01 pai que deixa 05 filhos.Vejam com quem está o nosso ex-Brasil.
    A tendência é piorar.

  2. Joaquim Caldas disse:

    Morreu Eduardo Campos?! Fatalidade ou assassinato?
    Coincidentemente o dia 13 de agosto é a data do aniversário de Fidel Castro,a data da morte do avô de Eduardo Campos,a morte de Eduardo Campos e o número 13 é o número de quem não quer deixar o poder! É muitos 13s para uma agenda só!
    Os comunistas adora evocar crimes em datas históricas.

    Navegar é preciso,votar já não é!
    o cócó da Rede Globo,convidar Eduardo Campos para entrevista enquanto “eles”cuidavam do avião? Logo no Rio de Janeiro?

  3. Dinarte da Costa Passos disse:

    Começa a Teoria da Conspiração.

  4. Téka Assunção disse:

    Não devemos criticar nem julgar . Vamos pensar que ele foi convocado para uma Missão muito mais extraordinária, da qual ele estava preparado, para atuar em esferas muito mais elevadas. Não sabemos os desígnios do “Altíssimo”. Mas uma morte prematura, deixando filhos pequenos , é muito triste . Desejamos que a família tenha forças para atravessar este momento tão doloroso, delicado e triste, com serenidade. Que os anjos estejam com todos.
    Muita Luz Amor e Paz,
    Téka Assunção

  5. Áureo Ramos de Souza disse:

    A Aeronave era muito segura, agora pergunto: Cadê Ulisses Guimarães, Marcos Freire, e agora vem Eduardo que eu sabia que iria ganhar assim que começasse a campanha. Tenho cá minhas dúvidas e a Globo vai lamentar o aperto que foi dado em Eduardo e ele categoricamente se saiu e iria sair de qualquer outra pergunta por ser um homem probo.

  6. Júlio Cardoso disse:

    Tanta gente ruim na política que já prejudicou o país não se escafeda para o inferno e fica azucrinando com palpites no governo de outros. Enquanto o divino chama Eduardo Campos, Lula continua vagando aqui na terra.

  7. helo disse:

    A investigação desse triste acidente fatal tomara que não seja calada como a da Petrobrás ou a de São Bernardo ou de Campinas.

  8. olbe disse:

    Lamentável…Um homem jovem com filhos pequenos e uma grande carreira pela frente. Espero que os entrevistadores do JN não fiquem com remorso por terem sido tão duros com ele na entrevista de ontem…

  9. Viviane disse:

    Se o PT mandou derrubar o avião deu um baita tiro no pé. O PSB vai alçar Marina à presidência usando a morte do Campos como trampolim. Os evangélicos vão adorar a ideia da pré-destinação de Marina, a candidata que o governo tentou calar e agora vai ter que engolir.

  10. CARLOS ALBERTO PEREI disse:

    Muito lamentável a morte prematura de Eduardo Campos, um jovem que poderia dá para o Brasil, tudo aquilo que outros como presidente não deram, mas apesar dessa tragédia ter tirado sua vida covardemente ele vai continuar no coração dos pernambucanos onde ele foi governador. É assim mesmo, o homem vem ao Mundo Material para cumprir a missão que lhe foi determinada por Deus. tenha ou não consciência disso. No cumprimento dessa missão acumula máculas no seu corpo espiritual. Chega porem, um momento em que por doença, velhice ou outros motivos, torna-se lhe difícil continuar a cumpri-la. Quando isso acontece, o espírito abandona o corpo retorna ao Mundo Espiritual.

  11. PC disse:

    Será que irão investigar mesmo… Muito estranho esse acidente há 53 dias das eleições.

  12. Ludwig Von Drake disse:

    Também acho, esses políticos roubam bilhões da Petrobrás, não vão derrubar um simples avião.

  13. Evandro Correia disse:

    O avô dele morreu há oito anos, exatamente na mesma data, 13/8. Isso não pode ser coincidência: derrubaram o avião dele!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *