Início » Brasil » Campos se declara contra o aborto
Eleições 2014

Campos se declara contra o aborto

Ex-governador de Pernambuco e pré-candidato à presidência defendeu a atual legislação brasileira sobre o tema neste domingo de Páscoa

Campos se declara contra o aborto
Eduardo Campos respondeu a uma pergunta sobre o aborto no Santuário de Aparecida, São Paulo (Reprodução/ABr)

O ex-governador de Pernambuco e pré-candidato à presidência, Eduardo Campos (PSB), disse neste domingo, 20, que é contra a descriminalização do aborto no Brasil. Ele defendeu a manutenção da atual legislação brasileira sobre o tema, que proíbe a prática mas prevê três circunstâncias em que o aborto é permitido: em casos de estupro, risco à vida da mulher e fetos anencéfalos.

Campos falou durante as celebrações da missa de Páscoa no Santuário de Aparecida, maior templo católico do país, em São Paulo, e parecia constrangido ao abordar o tema na presença do cardeal dom Raymundo Damaceno.

“Como cidadão acho que minha posição é a de todos. Não conheço ninguém que seja a favor do aborto”, afirmou o ex-governador. “Não vejo razão para que se altere exatamente a legislação que o Brasil já tem.”

Todos contra o aborto

Em diversas ocasiões, a candidata a vice na chapa de Campos, ex-senadora Marina Silva, se colocou publicamente contrária à descriminalização do aborto, mas em 2010 ela propôs a realização de um plebiscito sobre o assunto. Evangélica, Marina obteve quase 20 milhões de votos na última disputa pela presidência. Eduardo Campos espera atrair estes votos para si nestas eleições e vem se esforçando para alinhar suas posições às de Marina.

O senador Aécio Neves, pré-candidato à presidência pelo PSDB, é outro que já falou sobre o aborto, se posicionando contra a legalização, mas também à punição a mulheres que abortam. Já a presidente Dilma, que tem um passado de militante de esquerda libertária, se atrapalhou em 2010 quando o debate aflorou durante a campanha presidencial. Ela se disse contra o aborto, mas afirmou que, se eleita, teria de encarar o tema como uma questão de saúde pública. Dilma chegou a defender a descriminalização, mas depois voltou atrás.

A questão do aborto deve voltar à tona com fôlego revigorado nesta campanha presidencial e pode dividir opiniões de eleitores, como fez na disputa de 2010.

 

 

Fontes:
Estadão - Eduardo Campos afirma ser contra a legalização do aborto

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

7 Opiniões

  1. Evandro Correia disse:

    Todos querendo fazer média com a igreja católica.

  2. DEA disse:

    O senador Aécio Neves, pré-candidato à presidência pelo PSDB, é outro que já falou sobre o aborto, se posicionando contra a legalização, mas também à punição a mulheres que abortam. Já a presidente Dilma, que tem um passado de militante de esquerda libertária, se atrapalhou em 2010 …. ELE É CONTRA PORQUE NÃO É MULHER !!! E HOMEM QUE É HOMEM NÃO TEM QUE SE MANIFESTAR NESSE ASSUNTO QUE SÓ DIZ A MULHER , NÃO COMPETI AO HOMEM … PRIMEIRO QUE HOMEM SÓ PENSA COM A CABEÇA DE BAIXO , PQ PRA VCS HOMENS PENSAREM COM A CABEÇA DE CIMA SÃO PARA POUCOS … PORTANTO FICA CALADO SEM SE MANIIFESTAR SOBRE A LEI DO ABORTO… O QUE VCS DEVERIAM ERA SE PREOCUPAR PRIMEIRO COM AS LEIS DESGASTADAS , ULTRAPASSADAS …. PQ O POVO TEM QUE FAZER JUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS , PQ VCS SÃO INCOMPETENTES , JÁ PAROU PRA PENSAR ? ANALISA , FAZ UMA REFLEXÃO DA SUA INCOMPENTÊCIA DE VCS !!! LEVA PARA CASA DE VCS ESSAS CRIANÇAS LARGADAS PELO MUNDO , FAZ MELHOR ADOTA UMA CADA UM DE VCS , VCS TEM CORAGEM ??? QUE NADA VCS ESTÃO LONGE DISSO …. TOMEM VERGONHA , VCS FIZERAM DO BRASIL UMA VERGONHA , TENHO VERGONHA DE SER BRASILEIRA POR CAUSA DE VCS !!! ESPEREM A COPA DO MUNDO PARA VCS VEREM O QUE VAI ACONTECER VAI ACONTECER , VCS ESTÃO ASSINANDO A INCOMPETÈNCIA DE VCS POLITICOS !!!!

  3. Áureo Ramos de Souza disse:

    Já estão começando a desnortear as campanhas, o Brasil precisa é de EDUCAÇÃO DE VERDADE, SAÚDE PADRÃO FIFA E SEGURANÇA de verdade o aborto se faz necessário mais os três itens é primordial

  4. Ivana disse:

    Aborto é uma questão pessoal, devia ser legalizado, quem quer faz, mas quem não quer não será obrigado a fazê-lo. Politicos deviam parar de interferir tanto na intimidade das pessoas. Para isso serviu essa matéria já sei em quem não votar. Vai ser dificíl arranjar em QUEM votar.

  5. Apolinário Quevedo disse:

    Pensando bem, quem defende o aborto deveria defender também o suicídio. Resolveria o assunto definitivamente e não é crime.

  6. Paulo Menezes disse:

    Sou contra o aborto da mesma forma que sou contra o homicídio porque na verdade não há diference entre estes. Quem quiser fingir e tentar convencer a sí mesmo que aborto não é assassinato pode até tentar, mas duvido muito que alguém com algum senso de moralidade e humanidade consiga fazer isso.

  7. André disse:

    SEJA A FAVOR DO ABORTO E VOCÊ SERÁ MAIS UM ASSASSINO NO MUNDO!! HIPÓCRITAS!! E DEPOIS TERÁ QUE RESPONDER PARA A JUSTIÇA DIVINA UM DIA!… AÍ EU QUERO VER!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *