Início » Brasil » Edward Snowden quer asilo político do governo Dilma
Escândalo de espionagem

Edward Snowden quer asilo político do governo Dilma

Ex-técnico promete colaborar com o Brasil nas investigações sobre as ações da Agência de Segurança Nacional dos EUA

Edward Snowden quer asilo político do governo Dilma
Edward Snowden está na Rússia desde junho (Fonte: Reprodução/AP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O ex-técnico prestador de serviços da NSA Edward Snowden quer asilo político do governo brasileiro. Em troca, o delator do esquema de espionagem do governo norte-americano promete colaborar com o Brasil nas investigações sobre as ações da Agência de Segurança Nacional (NSA) dos EUA.

A promessa consta em uma “carta aberta ao povo do Brasil”, que será enviada a autoridades e fará parte de uma campanha na internet. O documento foi obtido pelo jornal Folha de S.Paulo.

“Muitos senadores brasileiros pediram minha ajuda com suas investigações sobre suspeita de crimes contra cidadãos brasileiros. Expressei minha disposição de auxiliar, quando isso for apropriado e legal, mas infelizmente o governo dos EUA vem trabalhando muito arduamente para limitar minha capacidade de fazê-lo […] Até que um país conceda asilo permanente, o governo dos EUA vai continuar a interferir em minha capacidade de falar”, afirma Snowden.

A principal fonte de Greenwald está na Rússia desde junho. Ele recebeu asilo temporário até meados de 2014. Para não ofender o governo russo, que o hospeda, Snowden tomou cuidado, na carta, de não se dirigir diretamente a Dilma.

O jornalista Glenn Greenwald, que revelou os documentos secretos divulgados por Snowden, afirma, entretanto, que o Edward quer vir para o Brasil. O jornalista e seu namorado, o brasileiro David Miranda, devem organizar uma campanha para que Dilma conceda o asilo político a Snowden.

Fontes:
Folha de S.Paulo - Por asilo, Snowden promete ajudar Brasil

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. yama disse:

    A atitude desse cidadão vil (A IMPRENSA OMITE ATÉ OS LAÇOS SOCIAIS DO INDIVÍDUO E A SUA ORIGEM) demonstra o desrespeito ao ordenamento da República que o alimentou, educou e que hoje “MORDE” E DESRESPEITA A NAÇÃO QUE JUROU DEFENDER E LUTAR. PORQUE A IMPRENSA NÃO DIVULGA SE ESSE MAU EXEMPLAR DE CIDADÃO QUE HOJE SE ACOBERTA EM NAÇÃO INIMIGA DA SUA PÁTRIA DE NASCIMENTO E QUE ATUA GARANTINDO ATÉ A FORMAÇÃO TÉCNICA QUE POSSUI HOJE?
    UMA ATITUDE VIL DESSE TIPO SÓ CONSOLIDA A MÁ QUALIFICAÇÃO DE QUE HOJE A TRAIÇÃO FOI CONTRA A PÁTRIA QUE O ALIMENTOU E NADA FAZ DE VALOR EM QUEM O ACEITA PARA ESPERAR UM DIA TRAIR DE NOVO EM BENEFÍCIO DA SUA FALTA DE CARÁTER QUANDO DEVIA FRONTALMENTE TER SE APRESENTADO EM SEU PAÍS E DISCORDAR DO QUE ACHOU QUE ERA ILEGAL O QUE VINHA FAZENDO NA BUSCA DE SEGURANÇA PARA OS SEUS COMPATRIOTAS.

  2. Joaquim Caldas disse:

    Yoane Sanches ou Snowden? São eles, espiões?

  3. Benedito Lacerda disse:

    O leitor Joaquim revela falta de inteligência. Yoane Sanches luta pela sua liberdade. Já Snowden é talvez um traidor ou dedo-duro, mas espião não.

  4. geracina disse:

    Todo ser que nasceu nesse planeta tem direitos naturais e tem direito de viver em qualquer lugar do planeta. A corda seres humanos e comecem a pensar em direitos naturais.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *