Início » Brasil » Em 12 meses Brasil ganhou 200 ‘super ricos’
Abastados

Em 12 meses Brasil ganhou 200 ‘super ricos’

Fortunas somam U$ 50 milhões ou mais. País tem 1% da parcela mais rica do mundo

Em 12 meses Brasil ganhou 200 ‘super ricos’
'A prosperidade atual (do país) está bem acima do nível alcançado antes da crise financeira internacional de 2007', aponta o relatório (Reprodução/BBC)

De acordo com o mais recente levantamento do banco Credit Suisse, sobre prosperidade global, há no Brasil 1,9 mil indivíduos com um patrimônio avaliado em US$ 50 milhões ou mais.

Segundo informe “Prosperidade Global”, apesar da instabilidade da economia internacional e das dificuldades de recuperação de alguns países, “a riqueza total global cresceu para um novo recorde, subindo US$ 20,1 trilhões entre meados de 2013 e meados de 2014 – um aumento de 8,3% – para chegar a US$ 263 trilhões”.

A pesquisa revela ainda que o capital está concentrada nas mãos de poucos: 0,7% da população adulta do mundo detém 44% (US$ 115 trilhões) da riqueza global. A América do Norte é o continente com a maior concentração de pessoas ricas; os Estados Unidos ganharam 9,5 mil novos super-ricos no último ano.

O Brasil tem 225 mil milionários e 296 mil adultos entre a parcela de 1% mais rica do mundo, conforme a pesquisa. O documento destaca ainda que, apesar da aguda desigualdade social do país, a renda média domiciliar triplicou entre 2000 e 2014: de US$ 7,9 mil anuais por adulto para US$ 23,4 mil.

“A prosperidade atual (do país) está bem acima do nível alcançado antes da crise financeira internacional de 2007”, aponta o texto. “No entanto, o crescimento ficou mais lento nos últimos anos.”

O resultado do país se justifica através de “um setor financeiro razoavelmente saudável e uma maior confiança de parte dos investidores em comparação a anos anteriores, quando a inflação era muito alta. O mercado de ações vivenciou um aumento moderado nos 12 meses anteriores a meados de 2014. Mas muitos brasileiros preferem ativos reais, sobretudo na forma de imóveis, como proteção contra possível inflação futura”, conforme o relatório.

Assim como no ano anterior, a maior parte dos novos milionários em mercados emergentes está na Ásia, sobretudo na China, o segundo país (atrás dos EUA) com o maior número de indivíduos super-ricos: 7,6 mil chineses adultos (6% do total global) possuem fortunas que superam os US$ 50 milhões.

Rússia e Índia, têm respectivamente 2,8 mil e 1,8 mil pessoas com fortunas nesse parâmetro.

 

Fontes:
BBC-Em um ano, Brasil ganhou 200 'super-ricos' com U$ 50 milhões ou mais

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *