Início » Brasil » Falta apenas um voto para a condenação de José Dirceu
julgamento do mensalão

Falta apenas um voto para a condenação de José Dirceu

Até agora, José Dirceu foi condenado por cinco ministros e absolvido por três

Falta apenas um voto para a condenação de José Dirceu
Ministra Cárme Lúcia acompanhou o voto de Joaquim Barbosa (Reprodução/Internet)

Nesta terça-feira, 9, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia e Gilmar Mendes aumentaram o placar parcial para cinco a dois em favor da condenação de José Dirceu pelo crime de corrupção ativa. A ministra acompanhou integralmente o voto do relator Joaquim Barbosa. Até as 18h desta terça-feira, Gilmar Mendes ainda não havia concluído seu voto, mas já deixara claro que condenaria José Dirceu.  O ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o publicitário Marcos Valério já estão condenados por corrupção ativa.

O voto do ministro Marco Aurélio deve concluir a sessão desta terça-feira. A expectativa é que ele também vote pela condenação do ex-chefe da Casa Civil. Os ministros Celso de Mello e Aires Britto devem votar apenas na quarta-feira.

LEIA MAIS: Teori Zavascki e o desempate do mensalão

Apenas Dias Toffoli absolveu José Dirceu nesta terça-feira, juntando-se ao ministro-revisor Ricardo Lewandowski, que também votou pela absolvição de Dirceu na última sexta-feira. Segundo Toffoli, não existem provas suficientes para a condenação do ex-ministro da Casa Civil. Para absolver Dirceu, Toffoli insistiu que não há a presunção de culpa, não há relação direta entre causa e efeito no caso do ex-ministro. Toffoli, entretanto, votou pela condenação de Delúbio Soares, José Genoino e Marcos Valério por corrupção ativa.

Gilmar Mendes acompanhou parcialmente o voto do relator, condenando Dirceu e Genoino por corrupção ativa. Para o ministro, Delúbio e Marcos Valério participaram de reuniões com políticos com o objetivo de realizar a corrupção. Segundo Mendes, depois das tratativas, Delúbio e Marcos Valério entravam em contato com José Dirceu, o mentor do esquema.

 

 

 

Fontes:
O Globo-Toffoli absolve, mas Cármen Lúcia condena Dirceu por corrupção ativa

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *