Início » Brasil » Febre Oropouche pode ser nova zika no Brasil
SAÚDE

Febre Oropouche pode ser nova zika no Brasil

Nos últimos anos, casos de febre Oropouche aumentaram em áreas urbanas e não há vacina contra a doença

Febre Oropouche pode ser nova zika no Brasil
Mosquito transmissor de febre Oropouche (Foto: Sinclair Stammers)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Após as epidemias de dengue, zika, chikungunya e febre amarela, o Brasil agora enfrenta uma nova ameaça: a febre Oropouche.

O nome do vírus é uma alusão ao rio em Trinidad e Tobago, onde ele foi pela primeira vez isolado em 1955. Ele circula em macacos e bichos-preguiça na floresta Amazônica. O vírus causou surtos ocasionais em áreas tropicais no Brasil, Peru, Panamá e em algumas ilhas caribenhas. Entretanto, nos últimos anos, os casos de Oropouche se tornaram mais frequentes nas áreas urbanas, incluindo alguns lugares do Nordeste, onde o surto de zika explodiu.

Oropouche causa febre alta, dores de cabeça e dor nas articulações, além de náusea e mal-estar. Apesar de normalmente a infecção não ser fatal, ela pode causar meningite, que afeta um tecido que protege o cérebro. Para piorar, não há vacina contra a Oropouche.

O vírus é tipicamente transmitido por um pequeno mosquito, chamado Culicoides paraensis. Luiz Tadeu Moraes Figueiredo, professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP, já alertou que a Oropouche pode se tornar um problema sério no Brasil.

Fontes:
The New York Times-Brazil May Face a New Threat, This Time From Biting Midges
O Globo-Vírus transmitido por insetos pode ser confundido com dengue

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. laercio disse:

    O atual sistema político de brasileiro se confunde com uma forma suicida de vida. Só evoluímos em números negativos em geral mas não há coisas boas para citar porque está tudo errado.
    Uma constituição que não faz frente aos problemas do povo.
    Entidades diversas não se pronunciam contra o mundo de discrepância que o Brasil está avançando dia a dia…

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *