Início » Brasil » Ferreira Gullar é eleito para a Academia Brasileira de Letras
Novo imortal

Ferreira Gullar é eleito para a Academia Brasileira de Letras

Poeta ocupará a vaga de Ivan Junqueira na cadeira 37 da ABL, que já pertenceu a Getúlio Vargas, Assis Chateaubriand e João Cabral de Melo

Ferreira Gullar é eleito para a Academia Brasileira de Letras
O escritor será empossado em cerimônia a ser realizada apenas em 2015 (Reprodução/G1)

O poeta maranhense Ferreira Gullar, de 84 anos, foi eleito na última quinta-feira, 9, membro da Academia Brasileira de Letras (ABL). Ele obteve 36 dos 37 votos possíveis para a vaga de Ivan Junqueira, poeta e tradutor morto em 3 de julho deste ano.

“Estou muito feliz. Mais ou menos eu já esperava pelo que os acadêmicos me disseram. Desde que soube, já estava muito feliz. Mas na hora que acontece é diferente. Vira realidade mesmo, deixa de ser promessa”, disse Ferreira Gullar, em uma festa realizada pouco depois da escolha, no apartamento do também imortal Antonio Carlos Secchin, em Copacabana.

O escritor será empossado em cerimônia prevista para ocorrer em 2015. Fundada por Silva Ramos, a cadeira 37 tem como patrono o poeta Tomás Antônio Gonzaga e já foi ocupada por Alcântara Machado, Getúlio Vargas, Assis Chateaubriand e João Cabral de Melo Neto.

Segundo o poeta, a insistência dos amigos e a morte de Junqueira foram fatores decisivos na candidatura. “Éramos muito amigos. Pensei: é a cadeira que um dia foi de João Cabral de Melo Neto e do meu amigo Ivan. Foi a partir de João Cabral que começaram a sentar poetas nesta cadeira, então me sinto confortável”.

Ainda neste mês, a ABL realizará outras duas eleições; no dia 23, para escolher o ocupante da cadeira de João Ubaldo Ribeiro (o historiador Evaldo Cabral de Mello é o favorito) e no dia 30 para a vaga de Ariano Suassuna (que deverá ser assumida por Zuenir Ventura).

Fontes:
O Globo-Ferreira Gullar é eleito para a cadeira 37 da Academia Brasileira de Letras
G1-Ferreira Gullar é eleito para a Academia Brasileira de Letras

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *