Início » Brasil » FMI melhora previsão do PIB brasileiro para este ano
ECONOMIA

FMI melhora previsão do PIB brasileiro para este ano

A projeção do PIB para este ano subiu de 1,9% para 2,3%. Já para 2019, a estimativa subiu de 2,1% para 2,5%

FMI melhora previsão do PIB brasileiro para este ano
Segundo o documento, o crescimento esperado deve ser sustentado pelo consumo e investimento privado mais fortes (Foto: Pixabay)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) melhorou a previsão do crescimento do Produto Interno Bruto do Brasil para 2018 em uma projeção divulgada nesta terça-feira, 17. O Produto Interno Bruto serve para medir a evolução da economia.

A estimativa do FMI subiu de 1,9%, em janeiro, para atuais 2,3%. No entanto, o percentual ainda está muito aquém da média global e das economias emergentes. Para 2019, a projeção subiu de 2,1% para 2,5%.

Os resultados foram divulgados no relatório “World Economic Outlook”, que é lançado periodicamente com previsões e recomendações para a economia mundial. Segundo o documento, o crescimento esperado deve ser sustentado pelo consumo e investimento privado mais fortes.

Além disso, o FMI recomendou que o Brasil reduza as barreiras alfandegárias e não alfandegárias para melhorar a eficiência e aumentar a produtividade.

Em relação à taxa de desemprego, o número vai continuar alto, apesar de menor do que no ano passado (12,8%).  A estimativa é de 11,6% neste ano e 10,5% em 2019.

Atualmente, a inflação é de 2,68% no acumulado de 12 meses. A Selic, taxa básica de juros, por sua vez, está em 6,5%.

O FMI manteve a projeção de crescimento global de 3,9% tanto para 2018 quanto para 2019. As economias emergentes vão crescer 4,9%, e as em desenvolvimento, 5,1%.

Fontes:
G1-FMI melhora previsão para PIB do Brasil e estima alta de 2,3% em 2018

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *