Início » Brasil » Governadores anunciam medidas para enxugar despesas públicas
Brasil

Governadores anunciam medidas para enxugar despesas públicas

Novo ministro da Fazenda afirma que não acredita que os novos ajustes econômicos irão provocar ‘uma parada brusca’ em 2015

Governadores anunciam medidas para enxugar despesas públicas
Joaquim Levy assumiu o cargo de ministro da Fazenda, nesta última segunda-feira, 5 (Reprodução/ Ramin Talaie/ Bloomberg)

De acordo com dados divulgados nesta terça-feira, 6, no jornal Globo, ao menos 14 governadores anunciaram medidas para enxugar despesas públicas na primeira segunda-feira útil do ano. Em alguns estados, as iniciativas afetarão em cheio os servidores públicos, principalmente aqueles que ocupam cargos comissionados e temporários.

Boa parte dos governadores, não só os novos, como também os reeleitos, vão cortar, já a partir deste mês, o número de servidores públicos. Além disso, as novas gestões estão auditando contratos, suspendendo licitações de obras, cancelando novos concursos, viagens e até mesmo patrocínios.

O novo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, acredita que a evolução da atividade econômica vai depender da forma como ela responderá às novas ações. No entanto, ele apresentou um cenário mais positivo, com expectativa de recuperação da economia internacional.

De acordo com Levy, o governo já começou a tomar medidas na área fiscal, levando em consideração a alteração nas regras de benefícios como o seguro-desemprego e a pensão pós-morte. “A gente está começando esse tipo de ajuste pelo lado do gasto. A gente deve, eventualmente, considerar alguns ajustes também no lado da receita”, disse Levy.

Sem “fórmula mágica”, a expectativa da nova equipe econômica, segundo o ministro, é que ocorra uma retomada da confiança dos empresários na economia a partir de 2015, o que poderia ajudar na redução dos custos de financiamento e das taxas de juros no país.

Quanto aos efeitos que a Operação Lava-Jato pode ter sobre a economia e sobre a oferta de crédito no mercado brasileiro, o ministro da Fazenda deu uma resposta genérica. “Tenho certeza de que esses episódios todos vão resultar na melhora das companhias, na melhora de como as coisas são feitas, em companhias mais fortes, que é o que faz uma economia ser inovadora. Essas coisas nascem de um desafio. Somos uma sociedade em transformação. Nossa economia tem que responder a isso”, afirmou o ministro.

Em seu discurso ao assumir o cargo, na última segunda-feira, 5, Levy também prometeu reequilibrar as contas públicas e disse que possíveis ajustes em alguns tributos seriam considerados.

 

 

Fontes:
O Globo-Joaquim Levy anuncia Rachid na Receita e Marcelo Saintive no Tesouro
O Globo-Levy diz que ajustes em 'alguns tributos' serão considerados
O Globo-Para reduzir despesas, governadores cortam pessoal e até parcelam salários

1 Opinião

  1. PC disse:

    Começando a reduzir em cinquenta por exemplo os salários dos próprios, mas isso é uma utopia.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *