Início » Brasil » Governo estima mínimo de R$ 779 em 2015
Diretrizes Orçamentárias

Governo estima mínimo de R$ 779 em 2015

Meta de superávit primário é de 2,5% do PIB no próximo ano. Administração prevê crescimento de 3% na economia

Governo estima mínimo de R$ 779 em 2015
O salário mínimo será reajustado em 7,71% e passará a valer R$ 779,79 em 2015 (Reprodução/internet)

O governo encaminhou ao Congresso Nacional nesta terça-feira, 15, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Segundo o documento, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e passará a valer R$ 779,79 em 2015.

De acordo com o jornal Globo, “o aumento é calculado com base na regra pela qual o salário mínimo é corrigido pela variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores e a inflação do ano anterior”.

A administração prevê que o superávit primário (economia para o pagamento de juros da dívida pública) para o setor público consolidado será de R$ 143,3 bilhões, valor equivalente a 2,5% do PIB. Com a dedução dos R$ 28,7 bilhões destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do superávit primário  fica em R$ 114,7 bilhões (cerca de 2% do PIB).

Através da LDO o governo estabelece as metas e prioridades da administração pública federal, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro do ano em questão.  Nos três últimos anos, o primário do setor público consolidado foi fixado em 3,1% do PIB na LDO. Porém, o governo realizou superávits abaixo da meta cheia em 2012 (de 2,38% do PIB) e em 2013 (1,9%). Conforme a proposta, o crescimento da economia deste ano será de 3% em 2015, número mais otimista que o projetado pelo mercado (2%). O percentual previsto para inflação no período é de 5%.

Fontes:
Agência Brasil-Governo estima salário mínimo de R$ 779 para 2015
O Globo-Governo fixa meta de superávit primário de 2015 em 2,5% do PIB

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *