Início » Brasil » Governo não inclui no orçamento repasses ao BNDES até 2017
Economia

Governo não inclui no orçamento repasses ao BNDES até 2017

Nova equipe econômica do governo não incluiu na atualização do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias repasses do Tesouro para o banco durante os próximos três anos

Governo não inclui no orçamento repasses ao BNDES até 2017
A projeção é que o país entre em 2017 com uma dívida pública em torno de 62,5% do PIB (Reprodução/Internet)

A nova equipe econômica do governo não incluiu na atualização do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) repasses do Tesouro Nacional para o BNDES nos próximos três anos nas projeções para a dívida bruta.

Leia mais: Governo autoriza repasse de R$ 30 bi do Tesouro ao BNDES
Leia mais: Atuação do BNDES será reduzida no próximo mandato de Dilma

A medida  – de não haver nova emissão de títulos públicos para bancos públicos – é para  que a trajetória do endividamento se confirme. Mas, caso caso haja novas emissões, o governo tem como alternativa aumentar o superávit primário, como já anunciado pelo próximo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, ou permitir o aumento da dívida em relação ao PIB. É preciso também que as projeções dos demais indicadores (inflação, juros, câmbio e crescimento da economia) se confirmem.

Ainda este ano, o governo irá injetar R$ 30 bilhões  no BNDES, conforme o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, anunciou em pronunciamento na Câmara dos Deputados. Segundo ele, a emissão para o BNDES este ano já está incluída na dívida bruta.

Segundo as últimas projeções, a dívida bruta do país irá subir de 62% para 64,1% do PIB até o fim de 2015. Apenas em 2016 é que se iniciará uma trajetória decrescente. A projeção é que o país entre em 2017 com uma dívida pública em torno de 62,5% do PIB.

Apesar disso, ainda não está clara a estratégia da nova equipe econômica para os repasses ao BNDES. O atual presidente do banco, Luciano Coutinho, já declarou que os projetos contratados e o cronograma de desembolso deixam poucas margens para a redução dos aportes do Tesouro o próximo ano.

Fontes:
Valor - Governo não prevê repasses do Tesouro para o BNDES nos próximos três anos

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *