Início » Brasil » Grita Rio de Janeiro!
GRITA BRASIL

Grita Rio de Janeiro!

Nunca vi o Rio de Janeiro tão pobre de espírito, de educação, de saúde, de emprego, com um dos piores trânsitos do mundo

Grita Rio de Janeiro!
A coluna Grita Brasil é publicada às quintas

Peço licença aos meus leitores, mas estou com um nó na garganta. E tenho que soltá-lo. Nasci no Rio de Janeiro, cresci no Rio de Janeiro, com passagens em Portland, no Oregon, Jerusalém e Tel Aviv, em Israel. Mas na maior parte do tempo fui morador do Rio de Janeiro.

E, hoje, não tenho o menor orgulho disso. Muito pelo contrário. Sinto até vergonha e em alguns momentos asco.

Estou motorista de aplicativo há três anos por conta do caos no país e principalmente no Rio de Janeiro, cidade maravilhosa cheia de encantos mil. Os encantos, na minha opinião, sumiram. E conversando muito com meus passageiros que vêm de várias partes do Brasil e até do mundo vejo que a cidade ainda encanta. E eu geralmente sempre pergunto: “Vieram fazer um safari?” E aí eu me justifico. E sempre vem uma pergunta: “Você não é carioca?”. Sim, sou. Está na certidão. Mas estou tentando mudar isso.

É impressionante como a cidade do Rio de Janeiro ainda encanta e traz pessoas do Brasil e do mundo. E isso não é valorizado de forma nenhuma. O Rio de Janeiro é lindo. Isso é indiscutível. Talvez uma das cidades mais bonitas do mundo. Mas, hoje, é só isso.

Me atirem a primeira pedra portuguesa quem acha que estou 100% errado.

O Rio de Janeiro é o cartão postal do país – ou estou sendo arrogante demais? – e isso está sendo jogado no lixo por nossos governantes. Nunca vi o Rio de Janeiro tão pobre de espírito, de educação, de saúde, de emprego, com um dos piores trânsitos do mundo – sem exageros –, com os preços dos imóveis e aluguéis sendo considerados um dos mais caros do país, e com um custo de vida já comparado ao de Nova Iorque. E, cá entre nós, entre morar aqui no Rio e em Nova Iorque, prefiro a Big Apple. Inclusive já enjoei do Cristo Redentor, estou com mais simpatia pela Estátua da Liberdade.

Antes, e nem me lembro o quão antes, tínhamos coisas boas aqui, que conseguiam meio que equilibrar as coisas. Hoje em dia temos – na minha opinião – somente a paisagem linda e as praias – hoje nem tão habitáveis e seguras – e ponto final.

Então leio no jornal que o ex-governador Anthony Garotinho e sua esposa, Rosinha Matheus, foram presos novamente. E isso me remeteu às outras prisões. E então vemos uma fila de ex-governadores da cidade do Rio de Janeiro presos. Como deixamos chegar a esse ponto?

A cidade do Rio de Janeiro além de ser hoje (talvez) uma das cidades mais violentas do país, tem o maior número de ex-governadores presos. Será esse o título que queremos carregar? Que cidade é essa? Que país é esse? Que história é essa? Que marca é essa?

Quando vamos repensar e amadurecer politicamente? Quando vamos dar uma guinada em nossa cidade? Eu, sinceramente, não estou pagando para ver. Estou me programando para pular fora. O Rio de Janeiro está inabitável. Vivemos constantemente com medo. E hoje não importa a hora, o dia e nem o local. Não existe mais áreas de instabilidade da violência. Hoje é tudo um pacote só.

É triste ver uma cidade se deteriorar desse jeito. Uma cidade que, como já disse, é o cartão postal do Brasil. E o que é triste também é que o governo federal parece se omitir na hora de dar um basta. Se nosso estado está de alguma forma prejudicando o país como um todo, e acho que está sim, seria a hora do governo federal chegar chegando, como dizem, e mostrar que estão preocupados e tentando salvar a imagem.

Pois uma coisa leva a outra. Uma cidade segura gera mais visitantes, que gera mais empregos, mais investimentos e por aí vai.

A fórmula é simples, o problema é sua execução e até onde existe o real interesse de isso acontecer. Salve as baleias. Não jogue lixo no chão.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Rogerio Faria disse:

    Simplesmente, acho que o povo do Rio deveria ser proibido de votar. Lixos políticos estão sendo jogados em Brasilia por conta de uma população que insiste em defecar políticos nas maquininhas do TRE.

  2. Jorge Hidalgo disse:

    excelente resumo da ópera bufa que está este país. O Rio é o retrato do Brasil, na minha opinião.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *