Início » Brasil » Gurgel nega investigação sobre Lula
Mensalão

Gurgel nega investigação sobre Lula

Procuradoria Geral da República afirmou que 'não há qualquer decisão em relação a uma possível investigação do caso'

Gurgel nega investigação sobre Lula
Procurador-geral da República, Roberto Gurgel (Fonte: Reprodução/STF)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A assessoria de imprensa da Procuradoria Geral da República negou na tarde desta quarta-feira, 9, a informação divulgada mais cedo de que o órgão iria enviar à primeira instância suspeitas contra Lula para que fossem investigadas.

Em nota, a assessoria do órgão informou que “o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, ainda não iniciou a análise do depoimento de Marcos Valério, pois aguardava o término do julgamento da AP 470 (mensalão)”.

Ainda de acordo com a assessoria, “não há qualquer decisão em relação a uma possível investigação do caso”, ao contrário do que havia sido divulgado nesta quarta na imprensa.

Fontes:
Uol - Procuradoria Geral da República nega ter decidido sobre investigação de Lula em primeira instância

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

6 Opiniões

  1. Beraldo Dabés Filho disse:

    O que tem de ser investigado é o “Privatopropinoduto” comandado pelo Capo (FHC) e operado pelo Pífio (José Serra), tdndo como beneficiários os cardeais do PSDB/DEM. É dinheiro que não acaba mais, tanto assim que o Pífio (Serra) pretende nova candatura à Presidência da República. E o safadão do Roberto Freire, de olho na grana, já lhe ofereceu o PPS. Haja incompetência…
    ______________________________________________
    NUNCA VOTE EM BRANCO! NUNCA ANULE SEU VOTO

  2. helo disse:

    Dabés,
    Fique tranqüilo, Lula será investigado e Azeredo já aguarda o fim do mensalão petista. Serra é chato e reconhecidamente honesto, o dossiê falso petista não colou.
    Não seja pessimista ou calunioso, Roberto Freire nunca ocupou o executivo, e até sempre apoiou o PT até desistir como tantos. Pífio de fato é o pibinho. Haja incompetência!

  3. sid oliveira disse:

    VOCÊS ACHAM QUE O PAI DO MENSALÃO SERÁ INVESTIGADO,JAMAIS. NINGUÉM QUER PERDER A GALINHA DOS OVOS DE OURO(NESTE CASO O SR LULA)O HOMEM QUE NUNCA SABIA DE NADA.É CHAMAR O CIDADÃO DE IDIOTA MESMO.

  4. sid oliveira disse:

    VAMOS VOTAR ASSIM(000+TECLA VERDE) VAMOS TIRAR PELO MENOS POR QUATRO ANO TODA ESTA CORJA QUE USA NOSSO DINHEIRO EM BENEFICIO DELES MESMOS.NEM PARECE QUE SÃO NOSSOS FUNCIONÁRIOS E SIM DONOS DE NOSSO DINHEIRO,NÃO FAZEM NADA NEM PARA ACABAR COM CRIMES, PELO CONTRÁRIO APOIAM.VAMOS VOTAR SIM
    000+TECLA VERDE

  5. Paulo disse:

    Deixa ver se eu entendi: Primeiro o Procurador Geral da República, Roberto Gurgel não usou de sua prerrogativa de impedir Dias Toffoli, de participar do julgamento do MENSALÃO, por sua condição de ex- assessor jurídico da liderança do Partido dos Trabalhadores, ex-secretário pessoal de José Dirceu, ex-advogado na Advocacia-Geral da União à convite de LULA, e indicado pelo próprio molusco a uma vaga no STF…? E agora sai pela tangente dizendo que não não tem nada definido sobre o “companheiro” LULA, no quer diz respeito as denuncias que recae sobre ele?!?? Siceramente, Roberto Gurgel, VOCÊ NÃO TEM CREDIBILIDADE…

  6. helo disse:

    Todos os caminhos levam ao Lula: de Valério a Rose, de Cachoeira a banqueiros. A turma trabalha incessantemente na blindagem. Enquanto trabalham nessa infra, a infraestrutura do país vai pro espaço.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *