Início » Brasil » Haikai Brasil!
GRITA BRASIL

Haikai Brasil!

Fazer um haikai do momento Brasil talvez pudesse ser algo no estilo: ‘Sem se mexer, o governo hiberna, e o país chora...’

Haikai Brasil!
A coluna Grita Brasil é publicada às quintas

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Quem dera ter o dom de um Mario Quintana para fazer um Haikai do Brasil. Impossível. Ou pensando melhor, talvez seja mais fácil do que eu possa imaginar.

Mas uma coisa é certa, de poético não teria nada. Talvez, melancólico, cruel com certeza. Desesperançoso, sem dúvida.

O haikai é a arte de fazer um poema com apenas três versos. Que envolve uma linguagem sensorial para capturar uma sensação.

“Silenciosamente

Sem um cacarejo

A Noite põe o ovo da lua…” – Mario Quintana.

Fazer um haikai do momento Brasil talvez pudesse ser algo no estilo: “Sem se mexer, o governo hiberna, e o país chora…” Mas aceito sugestões dos poetas de plantão.

Queria entender a razão de estarmos vivendo esse momento tão de inércia nas questões que realmente fariam o país andar.

Não entendo a preocupação em mudar regras partidárias. Qual o impacto disso na nossa vida? O quão isso, se votado agora e sancionado pelo presidente, fará a nossa realidade mudar? O que isso conseguiria desencadear ações que levassem a economia a fluir mais e as engrenagens desemperrassem?

Fala-se em crescimento da economia em 2021, mas estamos em 2019, quase no seu fim, mas é muito tempo para esperar. E enquanto seu lobo não vem? O que fazer? Como sobreviver?

Até que ponto temos ainda estrutura para suportar mais essa espera? E estamos esperando quem, o quê? O Messias? Alguns dizem que ele está em Brasília e é presidente do Brasil, mas de salvador da pátria ele está bem longe.

Não percebo melhoras em nada. Meu negócio não alavancou. E eu ainda fui louco o suficiente de investir num carro novo apostando em nem sei o que, ou quem! Talvez apostei em mim mesmo. E na capacidade de reinventar “meu negócio”. Talvez economistas de plantão me internem, pois acabei de quitar meu financiamento em novembro de 2018 e mesmo tendo a maravilhosa sensação de não endividado, fui arrumar uma nova dívida. Dizem que os fortes são ousados. Será?

O tempo irá dizer. Mas o que o tempo não consegue me dizer é quando o governo irá realmente focar no que importa. Focar que como está não dá para ficar. Focar e enfrentar com força as barreiras e entraves que hibernam o país. Não se importar com achismos e em agradar fulano ou sicrano daquele ou desse partido. O foco deveria ser o país, o todo e não o imediatismo do que é melhor para cada um deles lá de Brasília.

O dia que eles enxergarem o resto – e “resto” somos nós – e nos tratarem como prioridade, estaremos na estrada certa e com a mesma “vibe” que nós que queremos um pouco de paz para viver uma vida decente.

“Uma folha, ai

melancolicamente

                            cai” – Mario Quintana – Haikai de Outono

Salvem as baleias. Não jogue lixo no chão.            

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Jorge Hidalgo disse:

    “…dinheiro

    só o que interessa…

    o resto não tem pressa”

    JH (pode ficar/espalhar/socializar meu haikai)

  2. carlos alberto martins disse:

    um governo responsavel pela democracia,ouviria a voz do povo,e não das hienas que o bajulam.

  3. Fabio de Jesus Nascimento disse:

    Enquanto os esquerdopatas continuarem obstruindo as votações do Governo no Congresso Nacional, não sairemos desse limbo em que estamos. Espero que os eleitores estejam atentos a isso, pois a oposição – psolista, petista, etc – está acabando com o que restou desse país. 2022 é logo ali!!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *