Início » Brasil » Homicídios de jovens no Brasil cresceram 326,1%, diz estudo
Violência contra os jovens

Homicídios de jovens no Brasil cresceram 326,1%, diz estudo

Desde 1980, o número de mortes violentas não naturais aumentou no país, revelando o descaso do governo e da sociedade em relação ao problema

Homicídios de jovens no Brasil cresceram 326,1%, diz estudo
Segundo estudo, avanços realizados na área ainda são insuficientes para resolver o problema (Reprodução/Internet)

Um estudo publicado nesta quinta-feira, 18, pelo Centro de Estudos Latino-Americanos (Cebela) mostra que a violência contra os jovens no Brasil aumentou nas últimas três décadas.

Segundo o Mapa da Violência 2013: Homicídio e Juventude no Brasil, entre 1980 e 2011 as mortes não naturais e violentas de jovens, como acidentes, homicídio ou suicídio, cresceram 207,9%. Se forem considerados apenas os homicídios, o aumento chega a 326,1%.

Dos cerca de 34,5 milhões de jovens com idades entre 14 e 25 anos que morreram em 2011, 73,2% foi de forma violenta, sendo o homicídio a principal causa da morte. Em 1980, essa taxa era de 52,9%. “Hoje, com grande pesar, vemos que os motivos ainda existem e subsistem, apesar de reconhecer os avanços realizados em diversas áreas. Contudo, são avanços ainda insuficientes diante da magnitude do problema”, conclui o estudo.

Segundo o estudo, os números revelam a omissão do governo e da sociedade em relação à violência contra os jovens, ressaltando que “a partir do esquecimento e da omissão passa-se, de forma fácil, à condenação, o que representa só um pequeno passo para a repressão e punição”.

O sudeste é a região do país com o menor percentual de morte de jovens por causas não naturais e violentas: 57%. Já o centro-oeste registrou a maior taxa, com 69%.

Natal (RN) é a capital que registrou o maior aumento no número de homicídio de jovens: 267,3%. Em São Paulo e no Rio de Janeiro, os investimentos feitos na área reduziram de forma significativa o número de homicídio de jovens. Atualmente, São Paulo é o estado com a maior queda no índice nos últimos 15 anos (-86,3%).

Fontes:
IG-Homicídios de jovens crescem 326,1% no Brasil, mostra Mapa da Violência

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Mello disse:

    Cadê o estatuto do desarmamento agora? KKKK

  2. cicero disse:

    entendam uma coisinha senhoras e senhores!!! Há um proverbio escrito e lido que; ONDE NÃO HÁ LEI NÃO HÁ TRANSGRESSÃO. Pois bem, apoiado neste pensamento os jovens mergulharam de cabeça a fazer tudo o que tem vontade; USO DE DROGA, ESTUPRO, VIOLÊNCIA FÍSICA, ASSALTOS, ROUBOS TRAFICO…todos estes crimes se fossem punidos com rigor não haveria reincidência nem um próximo criminoso, más ao invés do governo tratar criminoso como tal…ele incentiva o crime; VOU EXPLICAR: FLAGRANTE SOMENTE SE A POLICIA VER O CRIMINOSO COMETENDO O ATO, HOMICIDA VAI PARA A CADEIA E RECEBE SALARIO DO GOV. PELO CRIME QUE COMETEU, UM ELEMENTO DE 17 ANOS E ONZE MESES É MENOR DE IDADE, E POR AI VAI, A LISTA DE COISAS QUE O GOV. CRIOU PARA AMPARAR O CRIMINOSO É EXTENSA. Por isso senhores é que a violencia cresceu assustadoramente SEM PUNIÇÃO NÃO HÁ TEMOR. OK?

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *