Início » Brasil » Instituto Lula é alvo de investigação da Receita
MOVIMENTAÇÃO FINANCEIRA

Instituto Lula é alvo de investigação da Receita

Receita deve apurar doações feitas por empreiteiras para o instituto fundado pelo ex-presidente Lula

Instituto Lula é alvo de investigação da Receita
Ainda não há prazo para a conclusão da investigação (Fonte: Reprodução/Divulgação/Instituto Lula)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Uma reportagem do jornal Folha de S.Paulo revelou que a Receita Federal abriu uma ação para fiscalizar a movimentação financeira do Instituto Lula.

De acordo com o jornal, a Receita deve apurar doações feitas por empreiteiras para o instituto fundado pelo ex-presidente Lula, principalmente os repasses envolvidos na Operação Lava Jato, que investiga um esquema de corrupção na Petrobras. Neste caso, surgem empreiteiras como Odebrecht e Camargo Corrêa.

O objetivo da Receita é descobrir a origem do dinheiro doado ao Instituto Lula, como ele foi gasto e se foi declarado, tanto pelas doadoras quanto pela entidade.

Ainda não há prazo para a conclusão da investigação, que foi aberta pela Delegacia Especial de Maiores Contribuintes do Rio de Janeiro.

O Instituto Lula foi intimado há mais de duas semanas a apresentar documentos fiscais e informações contábeis. O prazo para a entrega do material era até o final do ano, mas o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, pediu nesta semana a ampliação do prazo e conseguiu mais 20 dias.

De acordo com Okamotto, a ação não é um desdobramento da Lava Jato, e sim “uma fiscalização normal”. “Querem saber se pagamos impostos direito”, afirmou o presidente à reportagem da Folha.

Como a averiguação é sigilosa, a Receita não se manifestou. O Instituto Lula, uma entidade sem fins lucrativos, afirma que as doações recebidas patrocinam a manutenção e desenvolvimento de atividades. A lista de empresas doadoras e os valores doados não são divulgados pela entidade.

Procurada pela reportagem, a Odebrecht afirmou que “faz contribuições a fundações e institutos, a exemplo do Instituto Lula, dentro de seu programa de apoio às iniciativas que promovem o debate de causas de interesse social”.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. Fabio Luiz Mendes Mulazani disse:

    Pura bandidagem!
    É claro que devem…
    Tem que ter a devida celeridade no processo, comprovar a fraude e prender todos.

  2. JORGE ALMADA disse:

    A receita federal já deveria ter investigado as doações das empresas investigadas, assim como o ex-presidente Sarney, criou a Fundação Sarney, Lula criou o INSTITUTO LULA, são entidades criadas com finalidade sociais, mas que na realidade utilizam o CNPJ para movimentações financeiras com objetivos pessoais e políticos partidários.

  3. João Demarchi disse:

    Quem trabalha de forma honrada não fogem da malha fina e das garras do “leão”, só faltava esses gatunos passarem ilesos.Sabemos todos nós ,que o dinheiro do povo foi parar nas contas deles sim.

  4. Pacheco disse:

    Os 12,4 milhões daria para construir um hospital em cada estado o que desafogaria as filas em macas amontoadas pelos corredores apinhados de doentes que outrora contribuiu com sua força de trabalho para construir de fato este pais. Por outro lado para que um ex-presidente quer instituto para o que e porque quem interessa isso a não ser um bom motivo para desvio de verbas públicas. Sabe-se lá o que rola por trás, além do mais se isso vira moda todo presidente terá seu instituto e cada um construirá cada vez maior para não ficar por baixo.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *