Início » Brasil » Investigação do MP constata fraude no Enem
Educação

Investigação do MP constata fraude no Enem

Quadrilha presa no último domingo, 23, conseguiu o caderno de questões do Enem antes da aplicação das provas

Investigação do MP constata fraude no Enem
Entre 15 e 20 candidatos tiveram acesso ao gabarito, segundo as investigações (Fonte: Reprodução/Veja)

O Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, foi fraudado. É o que concluiu uma investigação feita pelo Ministério Público de Minas Gerais em parceria com a Polícia Civil de Minas.

O delegado da Polícia Civil Antônio Prado revelou que uma quadrilha presa no último domingo, 23, por suspeita de fraude em vestibulares, conseguiu o caderno de questões do Enem, em Mato Grosso, e transmitiu o gabarito para candidatos que estavam em pelo menos quatro estados.

A investigação aponta que entre 15 e 20 candidatos tiveram acesso ao gabarito.

Ainda de acordo com o delegado, a investigação começou em abril e revela um esquema lucrativo que há anos pode estar fraudando vestibulares e o próprio Enem.

A quadrilha contava com a colaboração de pessoas com alta capacidade intelectual, que faziam parte das provas o mais rápido possível, saíam com os resultados das questões, que então eram repassados para candidatos por meio de transmissão eletrônica, com equipamentos de última geração.

A investigação revelou também que as vagas para os vestibulares custavam entre R$ 50 mil e R$ 70 mil. Os pais dos candidatos suspeitos de comprar vagas também podem ser investigados.

O Ministério Público informou que os vestibulares e os exames fraudados podem ser anulados caso todas as pessoas favorecidas não sejam identificadas.

Fontes:
Agência Brasil - Ministério Público constata fraude no Enem em Minas Gerais e Mato Grosso
G1 - Quadrilha vendeu gabarito do Enem a pelo menos 15 estudantes, diz polícia

1 Opinião

  1. Joma Bastos disse:

    É um MUNDO de corrupção!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *