Início » Brasil » Investigações sobre Lula e Cunha saem das mãos de Moro
BRASIL

Investigações sobre Lula e Cunha saem das mãos de Moro

A ação foi uma resposta aos pedidos das defesas do ex-presidente e do deputado cassado

Investigações sobre Lula e Cunha saem das mãos de Moro
Os episódios vão passar para as defesas de SP e do DF (Foto: ABr)

O relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Luiz Edson Fachin, tirou da alçada do juiz federal Sérgio Moro, de Curitiba, quatro investigações relacionadas às delações premiadas dos executivos da construtora Odebrecht.

A ação foi uma resposta aos recursos apresentados pelas defesas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Fachin havia remetido os trechos das delações que mencionam Lula e Cunha para Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância, a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Segundo o recurso dos advogados do Lula e de Cunha, os quatro episódios citados pelos delatores da empreiteira envolvendo os dois não têm relação com as irregularidades cometidas na Petrobras.  

Fachin reavaliou os casos a pedido dos advogados e decidiu mandar as suspeitas sobre pagamento de mesada ao irmão de Lula para a Justiça Federal de São Paulo.

As menções a Cunha ficarão na Justiça Federal de Brasília. De acordo com o relator da Lava Jato no STF, os crimes devem ser apurados onde foram cometidos ou onde ocorreram as tentativas de praticá-los.

Fontes:
G1-Fachin tira de Moro investigações sobre Lula e Cunha relacionadas à Odebrecht

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Beraldo disse:

    Se o Juiz Sérgio Moro se mantivesse, como esteve por muito tempo, longe de microfones, palestras, etc., sem sucumbir aos holofotes da grande mídia, seria hoje o homem mais admirado do Brasil.

    Pra completar, não é bom de retórica e nem carismático.

    Levantou ciumes no escalão superior, onde “brilham estrelas” como Gilmar Mendes e Cia..

    Perdeu terreno, mas ainda lhe resta capacidade de recuperação.

    Basta ficar na dele, como no início.

  2. Natanael Ferraz disse:

    A retirada da competência de Curitiba reforçará as condenações, caso ocorram, porque os inimigos da lava-jato não poderão dizer que é perseguição do Moro.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *