Início » Brasil » Janot diz que não há base legal para auditoria das eleições
Iniciativa tucana

Janot diz que não há base legal para auditoria das eleições

De acordo com o procurador-geral eleitoral, pedido formulado pelo PSDB limita-se a reproduzir comentários postados em redes sociais

Janot diz que não há base legal para auditoria das eleições
Rodrigo Janot, procurador-geral eleitoral (Fonte: Reprodução/Agência O Globo)

Em parecer enviado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta segunda-feira, 3, o procurador-geral eleitoral, Rodrigo Janot, se diz contra o pedido formulado pelo PSDB de um auditoria do resultado das eleições.

Janot afirmou que não há base legal para uma auditoria e que a iniciativa do PSDB põe em xeque a credibilidade do sistema eleitoral do país sem apresentar qualquer indício de que houve fraude na votação para presidente da República.

De acordo com Janot, o pedido formulado pelo PSDB limita-se a reproduzir comentários e boatos postados em redes sociais. O requerimento, ainda segundo Janot, é temerário e pode criar uma instabilidade social e institucional.

O pedido do PSDB chegou ao TSE na semana passada. Os tucanos argumentam que a medida daria aos eleitores a certeza do resultado da eleição.

Fontes:
Folha de S.Paulo - Janot se diz contra auditoria do resultado das eleições

3 Opiniões

  1. Leandro disse:

    Auditoria, já! É o povo que está exigindo, o mesmo povo que paga o seu salário Sr.Janot!

  2. Revoltado disse:

    Como é!?! “não há base legal para uma auditoria” ??? Com um resultado apertado assim? Diferença percentual da mesma ordem de grandeza que a margem de erro das pesquisas?? Ladrões, isso sim é o que eles são.

  3. Revoltado disse:

    Estão se borrando de uma auditoria. Sabe-se lá o que pode aparecer. Se não há problema, porque o temor? Quem não deve não teme. Janot, o novo engavetador geral da União Petista!!!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *