Início » Brasil » Joaquim Barbosa ainda não sabe se será candidato à presidência
ELEIÇÕES 2018

Joaquim Barbosa ainda não sabe se será candidato à presidência

Ex-presidente do STF diz que está conhecendo o PSB e que ainda não se convenceu de que deve ser candidato

Joaquim Barbosa ainda não sabe se será candidato à presidência
Nome de Joaquim Barbosa ganhou força após aparecer com cerca de 10% das intenções de votos (Foto: José Cruz/ABr)

Filiado há 15 dias no PSB, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa ainda não sabe se vai concorrer à presidência nas eleições deste ano.

Após uma reunião no diretório nacional do partido, em Brasília, na última quinta-feira, 19, Barbosa afirmou que ainda está analisando a possibilidade de se candidatar.

“Há dificuldades dos dois lados. O partido tem sua história, suas dificuldades de alianças regionais e eu, do meu lado, tenho minhas dificuldades de ordem pessoal. Ainda não consegui convencer a mim mesmo de que devo ser candidato”, disse Barbosa após a reunião. O PSB tem até o dia 15 de agosto para oficializar a candidatura.

O nome de Joaquim Barbosa ganhou força após aparecer com cerca de 10% das intenções de votos em uma pesquisa do Datafolha divulgada no último domingo, 15. Para Joaquim Barbosa, o resultado é bastante positivo, visto que, diferentemente de outros pré-candidatos que já anunciaram a sua candidatura, ele ainda não está fazendo campanhas ou frequentando estabelecimentos políticos para formar e fortalecer alianças. “Para quem não frequenta ambientes públicos, órgãos públicos, não dá entrevista, leva uma vida pacata, está muito bom”, disse Barbosa.

Barbosa nunca concorreu a nenhum cargo político e está sendo considerado pelos analistas políticos como um candidato “outsider” (ou seja, vindo de fora da vida política) que pode surpreender nas eleições. Tal termo é rejeitado pelo pré-candidato do PSC, Paulo Rebello de Castro. “Ele é de dentro do ‘establishment’, de dentro do governo. Era do poder Judiciário. Quem é de fora mesmo sou eu”, disse o pré-candidato, em entrevista ao blog Folhape, do jornal Folha de S. Paulo.

Possíveis desentendimentos no PSB

O ex-presidente do STF diz ainda estar conhecendo o PSB. Na quinta-feira ele teve a sua primeira reunião oficial com a cúpula do partido. Sua recente chegada ao partido já teria causado algumas resistências. O ex-ministro Aldo Rebelo, por exemplo, preferiu migrar para o Solidariedade após apenas cinco meses filiado devido à perda de protagonismo dentro da legenda, segundo informou o Congresso em Foco.

No entanto, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, negou a existência de divergências dentro do partido sobre a possível candidatura de Joaquim Barbosa à presidência da República. “Há cuidados, interrogações, mas divergências, não”, informou Siqueira, segundo noticiou o El País.

No entanto, a opinião não parece ser compartilhada por todos os membros do partido. O governador de São Paulo, Márcio França, que era vice de Geraldo Alckmin (PSDB), defende a candidatura do ex-governador tucano à presidência. “Considero a candidatura de Geraldo Alckmin a mais madura”, conforme informou o Estado de S. Paulo.

Barbosa vice?

Foi levantada também a possibilidade de que Joaquim Barbosa fosse usado para formar aliança com outro partido e fortalecer a disputa pela presidência. No entanto, Carlos Siqueira foi enfático ao dizer que isso não tem chances de acontecer.

“Não convidamos Joaquim Barbosa para o PSB para ser vice de ninguém. Não queremos ser vice de chapa nenhuma. Quem tiver essa esperança pode se desfazer dela, porque não vai acontecer”, afirmou o presidente do PSB.

Fontes:
Congresso em Foco-Joaquim Barbosa diz que ainda não se convenceu a ser candidato e que está “conhecendo” o PSB
El País-Joaquim Barbosa sobre demora para definir candidatura: “Who cares?”
Exame-Joaquim Barbosa está alinhado a nossas diretrizes econômicas, diz PSB

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. Beraldo disse:

    O coxinhas sempre arranjam um jeitinho de se oporem ao que não lhes interessa.

    Se o Joaquim Barbosa se candidatar, mesmo como independente (se a legislação permitir) ganha disparado.

    Não é isto que eles querem, e ai vem sempre com uma lenga lenga, achando que todo mundo é otário.

    Eles querem mesmo é um Golpe Militar, ou no mínimo, um Alcknada ou um “Bossalnaro”.

    Tá faltando catupiry agora, depois vai sobrar e os produtores vão jogar fora, sob protesto, nos arredores do Planalto.

  2. Markut disse:

    Quanto mais o min. Barbosa acabe”conhecendo” os partidos (quaisquer) , menos vontade terá de se candidatar.

  3. Áureo Ramos de souza disse:

    Palmas para o presidente do PSB. Nada de ser o segundo tem que ser o primeiro e o primeiro é JOCA (Joaquim Babosa)

  4. Maria Aparecida Nunes disse:

    Vejo uma estrela no horizonte. Como estamos voltando as nossas raízes, um candidato a presidência negro, e que tem junto ao povo brasileiro muitos admiradores pela sua conduta e credibilidade, traz uma luz de esperança para um futuro melhor.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *