Início » Brasil » Leitor comenta os protestos contra a reforma da previdência
OPINIÃO PÚBLICA

Leitor comenta os protestos contra a reforma da previdência

Markut é o Opinião Pública da semana. Participe você também!

Leitor comenta os protestos contra a reforma da previdência
Comente e participe!

Markut comentou a matéria “Uma paralisação nacional contra a reforma da Previdência” e foi eleito o opinião pública da semana. E você? Já deu sua opinião hoje?

 

A julgar pelos últimos acontecimentos, quanto às manifestações populares de justas insatisfações, com movimentos de massa, cujas causas costumam ser expostas de forma difusa e primária, muitas vezes pouco esclarecidas, corrompidas por movimentos políticos ou sindicais, totalmente mal intencionados e ultrapassados, ocorrendo com uma significativa simultaneidade em diversas sociedades humanas, é de se pensar num momento histórico, em que estão postas em xeque sistemas trabalhistas, econômicos, políticos e sociais já superados pelo gigantesco avanço da tecnologia, principalmente, a partir do fim da 2ª guerra mundial.

A significativa guinada, quase universal, para o que se convencionou chamar de “direita”, traz no seu bojo os graves problemas em que o “democratismo”, e não a democracia, o “capitalismo predador”, e não o indispensável capitalismo produtivo, o “sindicalismo” bandido e ultrapassado, o conveniente e engodador “populismo”, reforçados por esse misto de ignorância da massa e a cupidez ilimitada da índole humana.

Não por coincidência, são as sociedades mais bem escolarizadas, as que melhor enfrentam essa eterna contradição e se aproximam de um desejável ponto de equilíbrio, que se modifica de geração a geração.

Não será uma “Nova Ética”, como pretende Pierre Weil, para o terceiro milênio, talvez impossível, pois, como ele próprio afirma, um sistema econômico, tendo que ser competitivo, não pode ser ético.

4 Opiniões

  1. Raimundo Soares disse:

    Não é com analise de textos exóticos escritos para afirmar a cultura vazia que que vive nosso povo que vamos mudar o rumo de nossa sociedade.
    A nossa sociedade precisa de elementos que impulsione uma nova forma de lidar com os desmandos que esta sendo vítima.
    Precisamos arregaçar as mangas e lutar contra o que esta nos oprimindo, começando por amar mais o nosso PAÍS colocando uma bandeira em cada porta evidenciando o nosso patritismo que esta sendo dizimado.

  2. Beraldo disse:

    Descortesia, mas a sentença que constitui o último parágrafo foi fulminante. Resumo da forma dissimulada de concordar com a corruptela a que estamos submetidos, sob o escudo da afirmação de um não sei lá quem.

    Complexidade retórica, para desfecho tão estranho (com “S”)!

  3. Áureo Ramos de Souza disse:

    O nosso amigo Markut usou um português bem digitado com palavras exóticas e quanto ao problema dos futuros aposentados e os políticos que se banham em dinheiro nosso nada foi dito. Se faz necessário falar deles e não das manifestações que são necessária para mostrar o descontento mesmo Lula se aproveitando e se infiltrando.

  4. jan disse:

    o texto mostra a inversão de valores promovida pela esquerda nas ultimas décadas.
    “A significativa guinada, quase universal, para o que se convencionou chamar de “direita”,” é exatamente contra essa inversão de valores, é a humanidade reagindo à destruição de valores humanos promovida pela esquerda do autor.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *