Início » Brasil » Leitora comenta o empate técnico entre Dilma e Aécio
OPINIÃO PÚBLICA

Leitora comenta o empate técnico entre Dilma e Aécio

Helo é a Opinião Pública da semana. Participe você também!

Leitora comenta o empate técnico entre Dilma e Aécio
Comente e participe!

Helo comentou o artigo “Aécio e Dilma estão tecnicamente empatados” e foi eleita o opinião pública da semana. E você? Já deu a sua opinião hoje?

O Brasil deixou de ser o queridinho. Leia o que diz o Economist, Angela Merkel, o cartum holandês, converse com os estrangeiros que vieram aqui. Adoraram o povo, mas não vem ou investem porque enfrentam a bagunça aérea, a falta de regras, de rumo, de segurança, os preços altos, a burocracia, os mil impostos, o custo Brasil.

O filme estrangeiro do país só mostra o crime. Nossa política externa já nos colocou em situações de ridículo. O mais grave é que a nossa indústria está em crise, assim como a nossa Petrobrás. Estamos crescendo menos que todos os países emergentes, a educação fundamental só teve boa nota em Minas. Joaquim Barbosa teve que largar o STF e não pode advogar enquanto Dirceu pode, e já está em casa.

Cresce o número de jovens que nem estudam, nem trabalham nem procuram trabalho. Os grandes políticos nordestinos, família de  Eduardo Campos, Jarbas Vasconcellos, Cristovam Buarque estão firmes com Aécio. Com a Dilma estão Collor, Jader e Renan. Nada pode ser pior. Quanto aos grandes grupos, acompanhe a farra deles via Petrobrás, já sob investigação criminal. O Brasil merece saber.

 

13 Opiniões

  1. Mauricio Fernandez disse:

    Dilma, uma “ilha de desgoverno” cercada de atribulações e corrupção apresenta uma rápida recuperação em sua campanha por conta das inoportunas e burras declarações de Ermínio Fraga divulgadas diuturnamente pelos meios de comunicações. Aécio até o momento não esboçou qualquer tipo de reação. Age como se não fosse com ele. Com tal postura joga no lixo as esperanças daqueles que nele acreditam. É o karma do PSDB em sua vocação de entregar eleições ganhas.

  2. helo disse:

    Não há chance de uma ditadura militar. Já estamos vivendo menos democraticamente dia a dia, esse é que é o perigo. Aquela base aliada que é um saco de gatos, dinheiro para alguns industriais, para bancos, para empreiteiras, para detentos, aumentos aqui e ali, na antiga política de comprar votos. O país vai piorando para todos, sobretudo para os mais pobres. A campanha é só falar mal e acusar os outros dos seus próprios crimes. Que tática esperta, feia e vazia. Não copiarei Aécio, copiarei um leitor : QUEM CONHECE A DILMA, VOTA AÉCIO, 45

  3. André Luiz D. Queiroz disse:

    Se o Aécio não for eleito Presidente, só resta uma opção: INTERVENÇÃO MILITAR para resgatar o Brasil para o povo“… Isam, eu entendo a revolta do amigo com o estado de coisas em nosso país, mas sua ideia é estapafúrdia! E dizer tais coisas só daria mais ‘munição’ para os PTralhas dizerem que qualquer outro resultado que não a vitória deles é “golpe de estado”!
    Além do mais, não será a vitória de Aécio Neves (tomara!) que fará nosso país definitivamente tomar jeito, mas sim a mudança de consciência da sociedade, quer precisa parar de aceitar todos os mandos e desmandos do grupo que estiver no poder, seja qual for: PT, PMDB, PSDB, tanto faz! É preciso que o governo do Brasil seja o império da Justiça! E que esta sempre prevaleça sobre os interesses escusos de uns e outros!
    Abraços!

  4. Beraldo Dabés Filho disse:

    Isto não é um comentário e sim uma mera repetição do Aécio Pinóquio, nos debates e nos discursos de campanha. Falta de ideias próprias expõem a falta de inteligência e de personalidade. AÉCIO: QUEM CONHECE NÃO VOTA!
    __________________________________________
    NÃO VOTE EM BRANCO E NEM ANULE SEU VOTO!

  5. Roberto Santhiago disse:

    Eu sempre mantive conduta política apartidária, sempre me reservei de tecer elogios ou acusações a uma ou outra facção política, porém, observo a Imprensa (o quarto poder nas democracias) manifestar-se, ora em crítica feroz, outras, ao contrário, muito bem colocadas, e, em muitas outras vezes até mesmo hilárias ante aos fatos recorrentes no País.

    Hoje me lembrei de um antigo programa humorístico do Jô Soares, onde ele dizia: “…me deixa o tubo!”, e, vendo o “assalto a mão desarmada” feito à Petrobras (este é apenas o que se sabe, mas devem existir muitos outros ainda por ser descobertos!), que os malandros “congressistas” e demais participantes da farra fizeram com aquela que outrora foi a maior empresa do Brasil, resolvi “quebrar” minha linha de conduta e externar o que avalio sobre a política brasileira.

    Penso que é uma ópera bufa, indigna de ser representativa de um grande país como o nosso. Muitos dos nossos políticos, de qualquer partido, são uns calhordas, porém reconheço que devem existir algumas honrosas exceções. São verdadeiros bandidos que deveriam ser condenados à cadeia, com duras penas, por sua responsabilidade direta e indireta pelos roubos e pela corrupção que cometem ou fazem “vista grossa” aos seus apaniguados, procedimento este que conduz à morte, num verdadeiro holocausto, centenas ou milhares de crianças desnutridas, velhos famintos e abandonados à própria sorte, bem como famílias inteiras em estado de miséria extrema, em todas as regiões do Brasil.

    Não me esqueço das eternas e intermináveis filas do “tal” de SUS, e do valor caricato dos proventos que recebem, em sua maioria esmagadora, os aposentados, as viúvas e pensionistas, mas, também me lembro dos valores pagos aos políticos “aposentados” e suas viúvas e pensionistas, e os comparo aqueles antes citados. A comparação é de chorar! E os “Zés Dirceus” da vida ainda reclamam, dizendo que recebem uma “ninharia”. Estavam acostumados com bem mais!

    Sobre o nosso povo e a sua conduta passiva, o considero como povo néscio, povo calado, que prefere patinar na lama, povo submisso, passivo e servil, povo idiotizado que não extirpa os que o exploram, povo inculto, povo cego ou conivente ao tecer loas à Dilma, Lula, Sarney, Zé Dirceu, Genoíno, Delúbio, etc…etc… e assemelhados. Povo apreciador do que já virou até mote: o famoso “jeitinho brasileiro” e o incrível e inaceitável “rouba, mas faz”, como no Pará ficou conhecido um (seu) ex-governador. Povo que inverte valores, que me corrijam os meus irmãos nordestinos que elegiam ACM e, agora, ainda elegem Collor e elegeriam Sarney (e sem esquecer do Lula!), os irmãos nortistas que elegeram Jader Barbalho para Senador, os irmãos do Sudeste que elegiam Orestes Quércia, Maluf, Pitta, Marta Suplicy, etc… e Tiririca(!!!), os do Sul com os seus outros “que tais”. Cada povo tem o Governo que merece! Definitivamente, c’est pays n’ai pas serieux! Povo brasileiro, um conselho: Não reclame mais! Não se lance à nenhuma luta fratricida em defesa dos PT’s, PL’s, PMDB’s, PP’s, PCB’s, PR’s, etc…, nem se agridam com achincalhes bobos e desprovidos da mais comezinha regra de respeito, cidadania, civilidade, humanidade e conteúdo. Ao contrário, sejam realmente razoáveis e, sobretudo, inteligentes, raciocinem, engrandeçam as suas opiniões! Contribuam para com o seu País!

    Já tenho vergonha de não mais saber dizer aos meus filhos o que é ter orgulho de ser brasileiro, pois teria que responder-lhes muitos questionamentos. Perdoem-me amigos, eu não quis nem quero feri-los. Como povo que também sou, exorto desta forma a Nação, apenas para que acordem desta loucura de digladiar entre si.

    Dos simpatizantes do PMDB, eu gostaria que me dissessem o que fez José Sarney? Não esqueçam que ele teve tanto apoio popular, que até mesmo surgiram os chamados “Fiscais do Sarney”, e chegaram ao absurdo de confiscar boi no pasto!!! Aos “petistas” pergunto: o que fez Lula e sua “entourage” de quase 40 “ministros” (nem sei lá quantos!)?

    Aos dos demais partidos eu também tenho perguntas como estas a fazer, mas sei que não me dariam respostas minimamente aceitáveis, e por isso lhes deixo em paz. Meu povo, não lhes quis ofender, mas nem precisam responder.

    Como a “sacanagem” está cada vez mais diversificada e, para acabar só por uns tempos, isto é, só para “dar um alívio”, em tanta roubalheira e corrupção continuada na “República das Bananas”, basta um cara de “cabelo nas fuças” (mas JAMAIS com as “idéias” de Hugo Chaves ou de um “companheiro” Fidel da vida, nem do “cocalero” boliviano!!!) que verdadeiramente assuma o Governo (e não a que está aí agora, que também “não sabe nada do que acontecia”!) e mande chamar os “donos” das TV’s (cujos canais são propriedade pública) para os obrigar a exibir “ao vivo e a cores” uma meia dúzia de comprovados safados (basta só meia dúzia, é o “efeito moral” que vai falar mais alto!), para serem literalmente exemplados na praça dos “Três Poderes”(???) da “Ilha da Fantasia”… e sem deixar de mandar a fatura para a família dos próprios pagar. Logo no outro dia a GOL, a TAM, etc…. sairão do “vermelho”, e tudo quanto é vôo sairá superlotado do “Bananão”, e nem vagas em navio transatlântico vai ter, até a “Ponte da Amizade” vai “engarrafar”…. Todos os “FDP’s” “cairão fora”. Vão sobrar vagas em estacionamento do centro de Sampa. E não me venham com “chorumelas” de “direitos humanos”, “Constituição”, etc… etc….

    Não sou “comuna” e detesto realmente esta ideologia em boa hora já falida, mas reconheço que, para salvar “El pueblo del ‘Bananão’”, eles possuem umas medidas que podem muito bem ser aplicadas, e aqui vai ser um tremendo sucesso, podem crer! Não nos esqueçamos: “Para falar aos ventos bastam quatro palavras, para falar ao povo é necessário ação!” (do filósofo e padre Antônio Vieira). Esta frase foi dita há séculos, mas nunca se aplica tão bem quanto nos dias atuais.

    Não tenho nada contra os militares, pelo contrário, os admiro, haja vista o que fazem os batalhões de saúde e de engenharia, nos rincões remotos da Amazônia e do Nordeste, os que guardam os nossos limites marítimos de 200 milhas, e aqueles que defendem a fronteira seca no longínquo e esquecido Norte, como em São Gabriel da Cachoeira, e adjacências, mas acho que estão acomodados demais, num “Dulce far Niente” distante do que ocorre no panorama político brasileiro, onde tudo “pode” e ninguém é encarcerado, salvo o “juiz” (???) Nicolau “Lalau”, mas, mesmo ele, já está em casa cumprindo “prisão domiciliar”. Quanto aos “mensaleiros”, todos também vão ser logo liberados. Sacanagem!!! Nós não merecemos!!!

    Num exercício de imaginação, transporto-me a 1964, quando o comunismo ainda fervilhava no mundo, aí os norte-americanos deram o “start-up” e tivemos o movimento de 31 de Março, chamado de “Revolução” (sem sangue, coisa que ocorre só do Brasil! – graças a Deus.). “Deram a ordem” porque também o Brasil lhes representava uma ameaça em potencial e precisavam erradicá-la, afinal, havia um forte “clima” para implantar o comunismo no Brasil à época (hoje a Venezuela passa pelo mesmo processo).

    Durante quase duas décadas o País experimentou o que traz escrito na sua flâmula maior: “ORDEM E PROGRESSO”… que acabou no governo Figueiredo. O único erro imperdoável, e por mim debitado à conta dos “milicos”, foi perseguirem e torturar (e até coisa pior) alguns “moleques” (à época) comunistas e os simpatizantes. Agora aqueles “moleques” estão bem mais adultos, e alguns até foram eleitos senadores, deputados, presidentes ou ministros.

    Os “milicos” deveriam apenas ter-lhes dado uma “passagem de ida” compulsória para a extinta União Soviética ou Cuba, a volta(?) que “se virassem”(!). Hoje, estamos todos, de gerações inocentes, “pagando o pato” por aquele erro imperdoável, que não foi nosso, pois ações na Justiça (???) custam-nos “o olho da cara”, que nos diga Carlos Heitor Cony, o também brilhante jornalista que “abocanhou” 2 milhões de Reais e uma “gorda” aposentadoria mensal “indenizatória”, e outros mais.

    Aquilo tudo ocorreu em 64, agora a “estória é outra”, já não há mais ameaça comunista, os norte-americanos já não se sentem ameaçados, a não ser pelos terroristas, o Brasil já não é mais uma ameaça em potencial, portanto, não mais será necessário “darem a ordem” e gastarem “money” com os “cucarachas” brasileiros. Com isso, a possibilidade de ser “assinada” a “Ordem do Dia”, para acabar com o “Dulce far Niente” nas Forças Armadas, se esvai como espumas nas ondas do mar, mar de lama que hoje assola o país dos “dólares na cueca”.

    Mas o sonho do progresso desta pátria não acabou, mesmo aplicando-se a máxima “Morrer se preciso for! Matar: Nunca!” (do grande “Desbravador”, Marechal Cândido Rondon) e, como disse Guevara, “Hay que endurecer pero sin jamás perder la ternura!”, por isso, “Requiescat in Pacem” militares do “Gigante Pela Própria Natureza”, deitados em berço esplêndido e embalados ao som do mar e à luz do céu profundo, porém, jamais esqueçam: “Ex facto oritur jus”!

    Desculpem-me amigos, pelos meus erros ortográficos, pois não sou Advogado ou Professor. Desculpem-me, também, pelas minhas “estranhas idéias”. Eu não discrimino ninguém, pois sou temente a Deus. Sou apenas um democrata convicto e apartidário, porém PATRIOTA como vocês (mas já cansado de tanto ser roubado!!!).

    Eu não quero apenas um 2015 com novo (ou velha?) Presidente. Quero um porvir com tudo novo. Com denúncias apuradas. Com criminosos, sejam assassinos ou usurpadores do poder e dos recursos públicos, na cadeia, para que possamos briosamente fazer valer a máxima da nossa bandeira: “Ordem e Progresso”.

    Muito obrigado ao “Opinião e Notícia”, por permitir-me este “desabafo”!

  6. helo disse:

    Áureo, de fato a Petrobrás tem ações no exterior. Quando bilhões são desviados da companhia os acionistas são defendidos por seus países. Os americanos resolveram investigar na defesa de seus acionistas. A CVM de lá. Isso não é bom, porque a conta virá para a Petrobrás.

  7. helo disse:

    Maurício, o investimento estrangeiro existe, mas a evasão de dólares nos últimos tempos é fato, digo dos investidores nas empresas brasileiras via o mercado de ações. A revista inglesa desaconselhou o investimento atribuindo à falta de regras estáveis. O Brasil sempre teve uma enorme burocracia para o investidor que vem para cá. Essa burocracia aumentou com as intervenções em setores especiais, via subsídios. Estamos crescendo menos porque nossa indústria está diminuindo. Como hoje é o dia do médico, gostaria de dizer que diretamente observo nos hospitais federais do Rio um imenso sucateamento. Fico feliz que haja interesse de fora em empresas locais. Mas porém não posso deixar de observar que a demanda é sobretudo na saúde pública. Esta sim precisa de uma estratégia de longo prazo. O governo federal terceirizou vários serviços na saúde, o que fragiliza o setor. Uma coisa é terceirizar a limpeza, outra é terceirizar agentes de saúde. É da discussão que sai a luz. Para isso é preciso que a população faça a pressão, os órgãos de imprensa, os políticos que elegemos.

  8. Vitafer disse:

    Oi Maurício, você precisa aprender a conjugar o verbo HAVER!

  9. Áureo Ramos de Souza disse:

    Eu concordo com Helô e com o Sandra, tem que haver mudança, não é possível que os brasileiros consciente não vejam isso, a falta de vergonha que o país vem passando no esterior e agora os EUA que saber sobre a Petrobrás. Me ajuda aí.

  10. Isam disse:

    Se o Aécio não for eleito Presidente, só resta uma opção: INTERVENÇÃO MILITAR para resgatar o Brasil para o povo.

  11. Paulo Fernando disse:

    Vejo no Aécio um libertador nacional, por isso estou com Aécio. Que de norte a sul e de leste a oeste vote em Aécio, A minha previsão é que o. meu placar seja:
    65% para Aécio e 35% para Dilma, o que combina com a sua aprovação de governo. O Brasil não pode ver e conviver com tanta informação negativa, porque podemos até ficar desacreditados perante as nações e as instituições parceiras internacionais.

  12. Mauricio disse:

    Tem alguma coisa errada nessas informações!
    Somente neste ano houveram mais de 5 aquisições de empresas ligadas ao mercado de saúde e nutrição animal por parte de empresas estrangeiras, além de aporte financeiro e aquisição de participação acionaria.
    Vejam o caso da Ouro Fino que já tem fila de espera para aporte estrangeiro quando abrir ações.
    Isso é só uma parcela do mercado e o mesmo movimento tem acontecido em outros.
    É esse terrorismo que tenta matar o Brasil há anos! Parabéns ao Opinião & Notícia por fomentá-lo!!!!
    O Brasil está cansado é disso!

  13. Sandra disse:

    Tristemente essa é nossa realidade atual Helô.O Brasil está cansado disso tudo, cansado dessa falta de ética tão bem espelhada nessa campanha imunda, cansado desse vale tudo, dessa inversão total dos valores. Esse partido banalizou a corrupção, instuticionalizou a roubalheira, zombou do povo brasileiro com suas práticas nojentas e o pior se orgulham de assim proceder. O Brasil merece ser resgatado das garras dessa gente, através da mudança radical de valores.E a mudança será feita pela coligação de todos os que apoiam Aécio, por um Brasil melhor para nós, para nossos filhos… “Aécio é o Brasil sem medo do PT”

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *