Início » Brasil » Maranhão corta R$ 15 milhões de custos com jatinho
Coluna Esplanada

Maranhão corta R$ 15 milhões de custos com jatinho

Flávio Dino está estupefato com a lista de gastos desnecessários que herdou da antecessora Roseana Sarney

Maranhão corta R$ 15 milhões de custos com jatinho
o governo acaba de cancelar um contrato com táxi aéreo que, só em 2014, consumiu R$ 15 milhões dos cofres públicos (Reprodução/IG)

Num Estado que figura entre os lanternas do País no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), com escolas de ‘barro e palha’ nos rincões, revela o governador, Flávio Dino está estupefato com a lista de gastos desnecessários que herdou da antecessora Roseana Sarney. Além de colocar à venda uma casa de praia, palco de banquetes para empresários e políticos, o governo acaba de cancelar um contrato com táxi aéreo que, só em 2014, consumiu R$ 15 milhões dos cofres públicos. O jatinho era usado pela ex-governadora e o primeiro escalão para viagens – investiga-se se todas a trabalho.

De carreira

‘Eu viajo de avião comercial, neste momento. Depois faremos contrato em outros termos, que não consuma R$ 15 milhões’, explica Dino.

Lupa

Na esteira de revisão de contratos com terceirizados no Estado, o do Detran com empresas caiu de R$ 20 milhões para R$ 6 milhões. E continua funcionando.

Analfabetismo

Dino enviou a Brasília equipe para escolher no MEC modelo de alfabetização que se adapte ao Maranhão. Aumentou salário dos professores e vai construir escolas

Então tá..

Em artigo ano passado, o patriarca do clã, então senador José Sarney, pontuou que o IDH foi criado para beneficiar países imperialistas e humilhar os pobres.

Os 260 da Marinha..

A Marinha do Brasil envia ainda este mês para o Líbano mais 260 soldados para a 9ª missão na Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL). Um temor tomou conta de alguns amigos e familiares dos militares por causa da crescente ascensão da facção terrorista Estado Islâmico (EI). Há combates na fronteira do Líbano com a Síria.

..Longe do perigo

Mas os militares brasileiros ficarão em alto mar e não em combate. A missão dos brasileiros no navio é patrulhar a costa do Líbano numa faixa de 250km e interceptar embarcações suspeitas com carregamentos de armas.

Tão perto

Um brasileiro que voltou de Roma revela que os italianos estão apavorados com o risco de os terroristas do EI entrarem pela costa sul. O governo prendeu dezenas de mafiosos numa operação semana passada, mas está sem dinheiro para patrulha no Mediterrâneo.

Na mira

Continua em Brasília a artilharia pesada, de todos os lados, para queimar José Eduardo Cardozo, o (por ora) potencial candidato da presidente Dilma para a vaga no STF.

O chuta-portas

Existe apenas um homem que o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, o novo todo-poderoso do Governo, atende no gabinete a qualquer hora, ou ao telefone ao primeiro toque: Benjamin Steinbruch, o bilionário dono da CSN.

Sem chances

O prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), não faz outra coisa a não ser cortejar o PSDB. Critica diariamente seu futuro concorrente à Prefeitura, Daniel Coelho e afaga os demais tucanos. Incluiu nisso dois órgãos para o PSDB.

Sem chances 2

Geraldo Júlio cedeu a Junta Comercial do Recife para a ex-deputada estadual Terezinha Nunes, e pretende entregar uma secretaria à vereadora Aline Mariano, que não se bica com.. Daniel Coelho. Mas a ordem de Aécio Neves é o PSDB lançar candidato.

Relatos de um crime

Após analisar o inquérito 295-14, a Promotoria de Justiça Coletiva Criminal de Maceió denuncia que o adolescente Davi da Silva ‘foi vítima do crime de tortura seguido de morte após abordagem policial’ em agosto passado.

O Amarildo de Maceió

O caso já é tratado como o ‘Amarildo de Maceió’, em alusão ao desaparecimento do pedreiro na Rocinha, no Rio.

Registro

A direção da Odebrecht nega que tenha feito reunião de cúpula, e avisou que Marcelo, o herdeiro, continua a morar no Brasil. O repórter pediu uma audiência.

Ponto Final

A presidente Dilma, que fugia da imprensa, apareceu. Para mostrar a dieta. E só.

 

Com equipe DF, SP e Nordeste

4 Opiniões

  1. André Luiz D. Queiroz disse:

    Que o Maranhão há muito é ‘feudo’ do clã Sarney, onde só faltava eles exigirem “jus primae noctis” (vide http://pt.wikipedia.org/wiki/Direito_da_primeira_noite), todos sempre souberam, e lamentam. Mas pouco se fez até hoje para mudar essa realidade.
    Fico animado é em ver que o novo governador do Maranhão, Flávio Dino, dá sinais de que pretende moralizar o uso do erário público de seu Estado. Já ouvi críticas a ele também, em comentários de outro artigo relacionado, aqui mesmo em Opinião e Notícia. Se Flávio Dino é sincero em sua postura de corte de gastos desnecessários, ou se está apenas tentando criar para si imagem de ‘caçador de marajás’ (já vimos esse filme!…), só o tempo dirá. Mas acho que, ao menos, fica evidente que existe sim muita gordura para cortar nos gastos públicos em todas as esferas da administração pública, e assim destinar recursos para onde eles são legitimamente necessários! Tomara que o exemplo se espalhe pelos governos de outros Estados e municípios do país! (gostaria que também se repetisse essa moralização no governo federal mas, em se tratando de Dilma Rousseff e cia., acho que é sonhar demais…!)

  2. dragaoforte disse:

    O Maranhão…é uma lástima!!!!

    É só ELIMINAR a familia SARNEY que tudo prospera….Se todo o dinheiro que os SARNEY roubaram/desviaram voltasse para o Maranhão e fosse aplicado em infraestrutura …o estado seria RICO!!!!

    Pessoalmente conheço boa parte do Maranhão…terras…agricultura…pecuária…porto…tem tudo…mas tem que eliminar os SARNEY…tanto é que J José de Ribamar Ferreira de Araújo Costanota .vulgo SARNEY, fora também governador do Maranhão (1966-1971) e senador pelo mesmo estado (1971-1985). Depois de deixar a presidência, foi novamente senador, em 1991 (dessa vez pelo recém criado estado do Amapá,sabe porque??? ELO COMPROU OS ELEITORES….. POR FALTA DE APOIO DO PMDB

    Nem vou entrar no governo da filha do …dito SARNEY….

  3. rene luiz hirschmann disse:

    A conivência do governo PT com a família Sarney mostra como tudo isso faz mal ao Brasil.

  4. ney disse:

    Ela, roseana, vai pagar por tudo isso um dia, enquanto a maioria nunca entrou num avião a elite publica comete esse abuso.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *