Início » Brasil » MDB no Governo
COLUNA ESPLANADA

MDB no Governo

Mas não é o MDB fisiológico, promete o novo Governo

MDB no Governo
Osmar Terra, futuro ministro do Desenvolvimento Social, é médico e bom técnico, a despeito de mandato de deputado federal (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

A Coluna cantou a bola e o MDB entrou no Governo. Mas não é o MDB fisiológico, promete o novo Governo. Osmar Terra, futuro ministro do Desenvolvimento Social, é médico e bom técnico, a despeito de mandato de deputado federal. Porém leva com ele alguns parlamentares de bancada suprapartidária. Conota o nascimento de um ‘Centrão’ a la presidente Jair Bolsonaro (PSL). Na Câmara, o MDB vai ser neutro em relação ao novo Governo, liberando a bancada nas votações. O que não quer dizer oposição.

Em tempo…

… Bolsonaro não divulga, mas já alcançou a governabilidade de que precisa na Câmara. A preocupação é o Senado.

Reciprocidade

A indicação de Terra com a carona de deputados de diferentes partidos é recompensa à Frente de mais de 110 federais que anunciaram apoio a Bolsonaro ainda na campanha.

Olho na facção

A consultora de segurança americana Vanessa Neumann realizou uma investigação no Paraguai para verificar a penetração do PCC na região de fronteira. Ela descobriu que a facção, após o cinematográfico assalto a uma empresa de transporte de valores em Ciudad del Este, vem ampliando sua atuação e já domina o crime em cidades paraguaias como Salto del Guairá e Pedro Juan Caballero.

Lucros de Sangue

Atualmente, centenas de membros de quadrilhas brasileiras vivem livremente ou estão sob custódia em prisões do país vizinho. Essa informação faz parte do livro ‘Lucros de Sangue’, de Vanessa Neumann, que está sendo lançado no Brasil.

Poder da OAB

Para o leitor entender um pouco do porquê da acirrada – e em alguns casos milionária – disputa pelo comando das seccionais da OAB nos estados: a Ordem tem direito , no Quinto Constitucional, a indicar candidatos para vagas em Tribunal de Justiça, Tribunal Regional Federal, Superior Tribunal de Justiça. E o escritório do presidente sempre é muito demandado com novos (e poderosos) clientes.

É Natal!

Em meio a ameaças de novas paralisações de caminhoneiros, a ANTT não perde o clima festivo. Promove para servidores um concurso de decoração natalina.

País dos bananas

Mais de 60 mil, entre pessoas e empresas, devem R$ 1,05 bilhão em multas lavradas pela ANTT. O portal Jota pediu nomes, o órgão negou por questão de ‘sigilo’.

Brasiiiilll !

Está preso o prefeito de Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral (PSB), mas com glamour: terá “licença remunerada”, decidiram os vereadores da Câmara do Município do Grande Recife. Lula (esse outro) foi preso acusado de desvios de R$ 92 milhões do Instituto de Previdência.

Sem ou com?

Entidades sindicais vão lançar dia 6 de dezembro o manifesto ‘Contra a Lei da Mordaça’, em protesto contra o projeto de lei Escola sem Partido. Quem garante é o presidente do sindicato dos professores do ABC (SINPRO), Jô Miyagui. “A escola sem partido é partidária, pois é do partido deles”, afirma o professor.

Irmandade lusa

Nuno Barroso, presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Inspeção Tributária e Aduaneira (APIT), de Portugal, reuniu-se em Brasília com o presidente da Febrafite, Juracy Soares. Na pauta, o 4º Congresso Luso-Brasileiro de Auditores Fiscais e Aduaneiros. O evento, sediado em São Paulo, será nos dias 16 a 19 de junho de 2019.

ESPLANADEIRA

O médico Cid Pitombo realizou a cirurgia 2.500 no Programa de Bariátrica do Estado do Rio de Janeiro. É o único serviço do SUS a atingir a marca com 100% das cirurgias por videolaparoscopia. O ator João Campany participa da peça Sujeito a reboque, que estreia hoje no Teatro Cesgranrio.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *