Início » Brasil » Medalhas de ouro do Brasil no Pan não têm nível de pódio olímpico
Toronto 2015

Medalhas de ouro do Brasil no Pan não têm nível de pódio olímpico

Comparados com os resultados dos Jogos de Londres, em 2012, apenas dois medalhistas brasileiros do Pan alcançariam o pódio olímpico

Medalhas de ouro do Brasil no Pan não têm nível de pódio olímpico
Comitê Olímpico do Brasil tem como meta atingir entre 27 e 30 medalhas e ficar entre os dez maiores medalhistas nos Jogos do Rio (Foto: Wikimedia)

Cerca de três quartos das medalhas de ouro conquistadas pelo Brasil no Pan Americano de Toronto não têm nível para alcançar o pódio olímpico.

Em alguns casos, o desempenho dos campeões no evento não seria suficiente sequer para chegar à fase final de provas olímpicas, se considerados os resultados em Londres-2012.

Levados em conta apenas os resultados com cronometragem ou pontuação, apenas dois ouros do Pan – os dos atletas Felipe França, na natação e Isaquias Queiroz, na canoagem – se converteriam em medalhas na última Olimpíada.

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) tem como meta atingir entre 27 e 30 medalhas e ficar entre os dez maiores medalhistas nos Jogos do Rio.

Do total de 32 medalhas douradas conquistadas pelo Brasil no Canadá até a noite de quarta, 22, apenas oito resultados servem como bom indicador para 2016. Nos demais, ou a pontuação atingida não credenciaria o atleta a um pódio ou seus adversários no continente não fazem parte da elite.

Fontes:
Folha-Três quartos dos ouros do Brasil no Pan não têm nível de pódio olímpico

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *