Início » Brasil » Ministro Dias Toffoli é eleito presidente do STF
STF

Ministro Dias Toffoli é eleito presidente do STF

Toffoli assume o posto em 13 de setembro e permanece nele até 2020. Luiz Fux será o vice-presidente do Tribunal nos próximos dois anos

Ministro Dias Toffoli é eleito presidente do STF
Toffoli se formou em Direito pela USP e já atuou como presidente do TSE (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito o novo presidente da entidade nesta quarta-feira, 8. Ademais, Toffoli também presidirá o Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O ministro assume os cargos no próximo dia 13 de setembro, às 17h, quando inicia-se o biênio, que termina em 2020.

Ao seu lado, o ministro Luiz Fux será o próximo vice-presidente, cargo que ainda é ocupado por Toffoli. Fux ainda está no cargo de presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deixando a presidência no próximo dia 15 de agosto, quando a ministra Rosa Weber assume a posição.

A ministra Cármen Lúcia e a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, desejaram êxito para a dupla, que vai liderar o principal sistema de Justiça do Brasil nos próximos dois anos. Já o ministro Celso de Mello exaltou a experiência de Toffoli para ascender ao cargo.

Segundo a Agência Brasil, a eleição foi simbólica, pois Toffoli já era o vice-presidente e o mais antigo no STF. O órgão normalmente tem os seus ministros mais antigos, que ainda não presidiram, à frente do tribunal. A votação terminou com dez votos a favor e um contrário, isso porque Toffoli votou em Luiz Fux, respeitando a tradição de que, aquele que assumirá a posição de presidente, vote em seu vice.

O ministro Dias Toffoli nasceu em 1967 em Marília (SP), sendo membro do STF desde 2009, quando foi indicado pelo então presidente Lula. Toffoli se formou em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) e já atuou como presidente do TSE. Ademais, foi subchefe da Casa Civil, entre 2003 e 2005, e advogado-geral da União, entre 2007 e 2009. O ministro também foi advogado de campanhas eleitorais do Partido dos Trabalhadores, segundo a Agência Brasil.

”A responsabilidade neste encargo é enorme, os desafios são gigantescos, mas, se por um lado, temos essa dificuldade, até pela gestão tranquila e firme que Vossa Excelência [ministra Cármen Lúcia] teve nestes dois anos tão difíceis pela nação brasileira, com tantas demandas chegando a este STF e ao Conselho Nacional de Justiça, por outro lado, é muito facilitado”, afirmou o ministro.

Fontes:
G1-Dias Toffoli é eleito presidente do Supremo Tribunal Federal

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *