Início » Brasil » Morre o governador de São Paulo, Mário Covas
Mário Covas

Morre o governador de São Paulo, Mário Covas

Em 06 de março de 2001, a morte do governador de São Paulo, Mário Covas, causou grande comoção popular

Morre o governador de São Paulo, Mário Covas
Em 1994, Mário Covas foi eleito governador do estado de São Paulo e reeleito em 1998 (Reprodução/Agência Estado)

Mário Covas nasceu em Santos, São Paulo. Em 1947, se mudou para estudar na capital paulista. Durante esse período, Covas participou intensamente da militância política estudantil, sendo vice-presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes). Depois de se formar em engenharia pela Escola Politécnica da USP, trabalhou como engenheiro na Prefeitura de Santos.

Sempre envolvido com a política, Mário Covas candidatou-se a prefeito de Santos em 1961, pelo PST, ficando em segundo lugar na votação. No ano seguinte, e pelo mesmo partido, elegeu-se deputado federal. Com a extinção dos partidos políticos em 1966, foi um dos fundadores do MDB (Movimento Democrático Brasileiro) de oposição à Ditadura Militar, pelo qual nesse mesmo ano se reelegeu deputado federal.

Covas foi então escolhido líder da bancada oposicionista na Câmara dos Deputados. Mas em 1969 teve seu mandato cassado pela Ditadura Militar e os direitos políticos suspensos por dez anos. Durante esse período, voltou a trabalhar como engenheiro. Depois que recuperou seus direitos políticos, Mário Covas participou da fundação do PMDB.

Em 1982 foi eleito deputado federal. No ano seguinte, indicado pelo governador Montoro e aprovado pela Assembleia Legislativa, tornou-se prefeito de São Paulo. Como prefeito participou ativamente do movimento Diretas Já! pela volta das eleições diretas. Com o fim do mandato na prefeitura, Mário Covas foi eleito senador com a maior votação da história do Brasil até então.

Em 1988, Covas ajudou a fundar o PSDB, partido pelo qual disputou e perdeu a presidência da República em 1989. Em 1994, foi eleito governador do estado de São Paulo e reeleito em 1998. Mário Covas teve câncer e enfrentou durante muitos anos a doença mas em 2001, já muito debilitado, licenciou-se do cargo. Seu vice, Geraldo Alckmin assumiu. No dia 06 de março do mesmo ano, o governador de São Paulo morreu de falência múltipla dos órgãos. Sua morte causou grande comoção popular.

Fontes:
Terra-Veja a biografia de Mário Covas
Uol-Mário Covas

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *