Início » Brasil » Mudança nas regras trabalhistas já estava decidida antes da eleição
Estelionato eleitoral

Mudança nas regras trabalhistas já estava decidida antes da eleição

Durante a eleição, Dilma não apenas omitiu que planejava as medidas de restrição como atacou quem as defendesse

Mudança nas regras trabalhistas já estava decidida antes da eleição
Cerimônia de posse da presidente Dilma Rousseff (Fonte: Reprodução/Estadão)

Uma reportagem do jornal Folha de S.Paulo revela nesta segunda-feira, 27, que o governo Dilma Rousseff já havia planejado a mudança nas regras trabalhistas — anunciada no final do mês passado — antes da eleição de outubro.

Leia também: Levy diz que modelo de seguro-desemprego está ‘completamente ultrapassado’

De acordo com o jornal, um integrante do governo Dilma confirmou que as novas regras foram definidas em meados do ano passado. As mudanças endurecem as regras para a concessão de benefícios como o seguro-desemprego, a pensão por morte e o abono salarial. Isso significa que o estelionato eleitoral foi duplo: Dilma omitiu que planejava mudanças e ainda atacou quem as defendesse.

Durante a campanha eleitoral, a presidente eleita garantiu que não faria mudanças na legislação que comprometessem direitos dos trabalhadores. Dilma também insinuou que seus adversários mexeriam nos direitos trabalhistas, ressaltando que seu governo não modificaria benefícios como férias e 13º “nem que a vaca tussa”, o que acabou virando um dos slogans da campanha petista.

As novas regras trabalhistas entram em vigor em março. Cálculos do Ministério da Fazenda mostram que, com as mudanças, metade dos trabalhadores que pediram o seguro-desemprego no ano passado pela primeira vez agora não teria direito ao benefício.

 

Fontes:
Veja - Mudança no seguro-desemprego foi selada ainda durante a campanha
Folha de S.Paulo - Revisão de regras trabalhistas foi planejada antes da eleição

14 Opiniões

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Há males que vem para bem: muitos trabalhadores fazem acordo com os patrões para fraudar o auxílio desemprego. Mas a maioria dos males vem para mal mesmo. E por falar em vaca, os brincos de madrepérola combinam.

  2. dragaoforte disse:

    E o povo??? …tÁ COM A CORDA NO PESCOÇO… é a letra da marchinha de carnaval….a escravidão é iminente…este maldito governo vai continuar roubando e muito…Onde estão os nossos soldados????????????

  3. Aloisio disse:

    A Vaca já tinha tossido.

  4. jovelino bispo vieira disse:

    GRANDE NOVIDADE, QUEM NAO SABE QUE A MENTIRA, A TRAPACA, A FALTA DE CARATER E MARCA PETRALHENSE? HA!! SIM…OS “ZUMBIS MILITONTOS ” TORCEDORES DO “PETRALHAS F.C.” APENAS ESSES POBRES COITADOS ACREDITARAM NAS LOROTAS DA “CORACAO QUE MENTE”

  5. Ney disse:

    Em alguns paises serios, isso é traição a patria.

  6. Áureo Ramos de Souza disse:

    Agora não é possível que os pobres, pois são pobres mesmos trabalhadores não entendam o que a sua candidata, não os nossos, irão entender o que a Senhora Dilma prometeu e resvalava em cima do Aécio. Ou tiramos logo esta falsa ou teremos que esperar mais 4 anos, assim é de F……….

  7. Rosa disse:

    Clarooooooo que já estava tudo resolvido, e é tão falsa, que tentou iludir os eleitores dela, que Aécio faria tais mudanças. Está muito claro também, que sabia que iria ganhar, mais uma prova que as urnas eletrônicas foram fraudadas. Agora, nós que não votamos nesse partido, sofreremos as consequências. Não adianta nos desesperar, o que temos urgentemente que fazer, é ir para às ruass e pedir Intervenção Militar, porque nem reeleição poderemos esperar mais…

  8. Marluizo Pires Cruz disse:

    Durante a campanha eleitoral, a presidente eleita garantiu que não faria mudanças na legislação que comprometessem direitos dos trabalhadores,. “nem que a vaca tussa”. Porém para os menos favorecidos a vaca sempre tosse depois das eleições, pois durante as campanhas eleitorais a pobre da vaca estará sempre bem alimentada nas promessas das bondades para conquistar o voto do pobre eleitor. Porquanto neste sistema eleitoral onde o eleitor é obrigado a votar e o candidato não tem obrigação de cumprir o prometido, todos se igualam nas promessas do faz de conta que vai resolver os problemas pontuais do Brasil sem solução desde o primeiro governo até esta data.

  9. Henrique de Almeida Lara disse:

    A reeleição do governo do PT é claramente ilegítima, tanto pela suspeição do processo que teve como presidente do TSE um ministro que foi advogado do PT, quanto pelos fundamentos falsos da campanha que se baseou num lamaçal imundo de mentiras , verdades ocultas e acusações falsas contra os oponentes. É, portanto, um governo que não tem credibilidade. Assim, não dá, pois, para acreditar nem mesmo nas palavras dos seus aliados. Portanto, ninguém me culpe porque não votei em um só candidato do PT.

  10. Racha Cuca disse:

    “Acuse os adversários do que você faz, chame-os do que você é!” (Lênin)

  11. carlos henrique joppert disse:

    Estou triste,deprimido,,angustiado,arrasado,infeliz,com pena de todos.

  12. carlos henrique joppert disse:

    Ela não falou nada antes das eleições,farsa

  13. Angelo Teixeira disse:

    Chateado com tudo isso.

  14. abdon henrique disse:

    essa mudanca e muito boa para calar a boca dos babacas.puxa sacos do pt agora vao la pedir pra dilma para ela liberar o seguro desemprego seus otarios

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *